Grita geral

Grita geral

grita.df@dabr.com.br (cartas: SIG, Quadra 2, Lote 340 / CEP 70.610-901)

postado em 10/02/2017 00:00

Taguatinga
Roubo na parada de ônibus

Josicelia Ramos, 54 anos, entrou em contato com a equipe do Grita Geral para reclamar que na parada próxima à Feira Permanente da QNL (Taguatinga) há um grande clima de insegurança. A dona de casa mora perto do local e, todas as manhãs, usa o transporte público para ir à faculdade. Além da demora dos ônibus, frequentemente, receptores passam na parada ameaçando os passageiros com armas e obrigando-os a jogar, dentro do carro, pertences de valor.

; A Polícia Militar do DF informou que tem agido de maneira incisiva contra a violência. ;Em janeiro, houve redução da criminalidade. Uma queda significativa nos números de delitos;, diz. O que ocorre, segundo a corporação, é que algumas fragilidades da lei propiciam que determinados criminosos retornem às ruas em um curto espaço de tempo, reincidindo nos mais diversos crimes. ;As causas são alheias à atuação da polícia, haja vista englobar vários aspectos sociais, como moradia, educação e emprego.; O comandante da área já tem ciência do fato e tomará todas as medidas necessárias para proteção do cidadão.



Ceilândia
Esgoto a céu aberto

Moradores do P Sul (Ceilândia) reclamam que na Chácara 186 A, em frente ao Campo 12, o esgoto corre a céu aberto. O problema afeta a população há cerca de três meses e vários habitantes já entraram em contato com a Caesb, de acordo com informações de um denunciante não identificado. ; Vários moradores já pegaram doenças por causa dessa água que corre no meio da rua. A situação está tão ruim, que tem gente alugando as casas, pois não aguenta mais;, revela o denunciante.

; A Caesb, por meio da Ouvidoria, informou que enviou uma equipe de manutenção ao local indicado pelo leitor, porém, nada foi constatado de anormal. É importante destacar que demandas relacionadas a vazamentos de água ou esgotos têm o atendimento priorizado pela companhia, fazendo-se necessária a informação correta da localização. De modo a facilitar a comunicação de irregularidades nos sistemas de abastecimento de água e coleta de esgotos, a Caesb lançou um aplicativo de autoatendimento para smartphones e tablets, que permite ao usuário informar a existência de vazamentos, indicando o local da ocorrência e solicitar o reparo. ;Contamos ainda com uma central de atendimento telefônico, operando 24 horas, todos os dias da semana, por meio do número 115. Mantemo-nos à disposição para esclarecimentos ou providências adicionais, caso necessário.;



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação