Sr. Redator

Sr. Redator

Cartas ao Sr. Redator devem ter no máximo 10 linhas e incluir nome e endereço completo, fotocópia de identidade e telefone para contato. E-mail: sredat.df@dabr.com.br

postado em 23/02/2017 00:00
Água
O racionamento é conversa para boi dormir. Quando o responsável noticia a suspensão do fornecimento, há uma correria: são caixas e caixas-d;água cheias, tambores de 200 litros e outros reservatórios residenciais. Até em carros pipas se armazenam água. Assim, o racionamento fica sem efeito. O que o GDF, com os seus competentes assessores, tem de fazer é: primeiro: corrigir os vazamentos das tubulações antigas (há notícia que as do Torto e do Eixo Rodoviário Norte estão furadas); segundo: ampliar a campanha para que os usuários economizem a água e corrijam vazamentos nas edificações e casas; terceiro: passe a vistoriar as residências, para localizar gatos. Já foi detectada a inversão do hidrômetro para mascarar o fornecimento e fraudar o pagamento (isso é crime). Quarto: incentivar o povo a captar a água da chuva, para aguar jardins, lavar veículos e pisos de casas. Poços artesianos são caros e não resolvem: aumenta o gasto de energia.
; José Lineu de Freitas,
Asa Sul


; Quando o Palácio de Buckingham foi bombardeado pelos nazistas na 2; Guerra, a reação da Rainha-Mãe foi dizer: ;Que ótimo que isso aconteceu, pois assim tenho condições de olhar de cabeça erguida para todos os londrinos;. Já no racionamento de água no DF, o governador Rollemberg mantém o abastecimento na casa-grande (Esplanada), deixando a senzala (Brasília) sem água. Ser subdesenvolvido não é tarefa fácil.
; Thales A. de Carvalho,
Águas Claras



Justiça
Lamentável a recusa do ex-ministro do STF Carlos Velloso em assumir o Ministério da Justiça, com a justificativa de ;compromissos pessoais com seus clientes;. Com seus clientes, certamente, incluído o Brasil, cujos interesses sempre defendeu como ministro do Supremo Tribunal Federal. É evidente que não pretende colocar em risco sua biografia construída ao longo de sua vida dedicada à Justiça. Lamentável na medida em que o Brasil perde a chance de ter na pasta alguém que seria capaz de colocar ordem na instituição.
; Elizio Nilo Caliman,
Lago Norte



Proposta de Jucá
Não me causou espanto/a proposta de Jucá/da cabeça de muitos políticos/é o que se pode esperar/Ética e moral/não fazem parte de suas vidas/eles praticam canalhices/e andam de cabeça erguida/Precisamos acabar/com essa pouca-vergonha/não usemos o nosso voto/como objeto de barganha/Escolher quem nos representa/é coisa muito séria/quando votamos em corruptos/caminhamos para a miséria/Estamos vivendo hoje/um momento muito importante/unamo-nos ao Sérgio Moro/pra moralizar o nosso gigante.
; Jeovah Ferreira,
Taquari


Eduardo Cunha
Erram feio os ministros de Michel Temer e o próprio presidente, quando insistem em subestimar a inteligência do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. Não será com caras e bocas e sorrisos marotos que Moreira Franco vai se safar das acusações de Eduardo Cunha, que apresentou à Justiça Federal novas 19 perguntas ao presidente da República. Manda o bom senso e a prudência que Temer e Moreira levem Eduardo Cunha a sério.
; Vicente Limongi Netto,
Lago Norte






Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação