Hora de aguentar a pressão

Hora de aguentar a pressão

Questionado, Fábio Carille inicia uma série de mata-matas que serão decisivos para a continuidade dele à frente do Corinthians

postado em 01/04/2017 00:00
 (foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians - 21/2/17
)
(foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians - 21/2/17 )




Depois de um bom tempo de tranquilidade, o técnico Fábio Carille sabe que será o centro das atenções de torcedores e cartolas do Corinthians no mês de abril. A equipe começa hoje uma série de confrontos mata-matas. O primeiro adversário é o Botafogo, às 18h30, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP), pela rodada de ida das quarta de final do Campeonato Paulista.

Em caso de sucesso no Estadual, na Copa do Brasil (a equipe encara o Internacional na quarta fase) e na Copa Sul-Americana, serão 10 jogos em confrontos diretos. Fábio Carille viveu momentos mais turbulentos no ano, mas está longe de se sentir seguro no cargo. O técnico sabe que uma sequência desastrosa nas três competições pode aumentar a pressão e fazer com que ele inicie o Campeonato Brasileiro na corda bamba.

Na diretoria, ainda existe uma desconfiança sobre o trabalho do treinador, pelo fato de a equipe não conseguir apresentar grandes atuações. Contudo, os cartolas aprovam a forma como ele se relaciona com o elenco. Também é elogiado pelo fato de lançar muitos garotos no time principal. Ciente da cobrança, Fábio Carille avisa que não priorizará nenhuma competição. Dos quatro próximos jogos, três serão por torneios diferentes.

O Corinthians enfrentará o Botafogo hoje e no domingo que vem. No meio de semana (na quarta-feira, dia 5), encara o Universidad de Chile pela Copa Sul-Americana, em São Paulo. Por fim, no dia 12, o compromisso é contra o Internacional pela Copa do Brasil. ; Torcida e diretoria estão mais confiantes, mas sabemos que temos de matar um leão por dia;, disse o treinador.

Hoje, a única dúvida de Fábio Carille é Rodriguinho, que sentiu dores no joelho no treino de ontem e será reavaliado antes da partida. Se for vetado, Camacho começa o jogo em Ribeirão Preto.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação