Bancos repassam queda

Bancos repassam queda

postado em 01/06/2017 00:00

Os principais bancos do país anunciaram, após o Comitê de Política Monetária (Copom) cortar os juros, repassar integralmente a redução de um ponto percentual para as taxas cobradas em linhas de crédito para pessoa física e empresas. Essa é a quarta diminuição consecutiva promovida pelas instituições financeiras, que acompanham decisões do Banco Central (BC).

No Banco do Brasil, foi anunciada redução para o segmento de pequenas e médias empresas, com corte de juros no cheque especial, capital de giro e recebíveis. Já nas linhas para pessoa física, a principal diminuição correu na taxa mínima de parcelamento do cartão de crédito, que passou de 1,91% ao mês para 1,83%. A medida vale a partir de hoje.

O Bradesco também oferecerá novas taxas a partir de hoje e, com isso, a mínima de cheque especial cairá de 9,57% para 9,49% ao mês. Já o juro mínimo do crédito pessoal será reduzida de 1,75% para 1,67% ao mês. Para as empresas, além do repasse integral da queda da Selic nas carteiras de desconto, as linhas de conta garantida, capital de giro e cheque especial também serão reduzidas.

O corte dos juros, no Itaú Unibanco, atingirá as taxas do empréstimo pessoal, do cheque especial, do parcelamento de cheque especial e do financiamento de veículos no caso do crédito a indivíduos. Para as micro e pequenas empresas, o repasse será para as taxas do capital de giro. A medida passa a valer a partir de 7 de junho. (AT)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação