Um local sagrado para os xiitas

Um local sagrado para os xiitas

postado em 08/06/2017 00:00
 (foto: Atta Kenare/AFP)
(foto: Atta Kenare/AFP)

O mausoléu do aiatolá Ruhollah Khomeini, localizado na região sul de Teerã, é considerado sagrado para os iranianos. Fundador da República Islâmica e pai da Revolução Iraniana que depôs o xá Reza Pahlevi, em 11 de fevereiro de 1979, Khomeini encarnava a resistência à opressão norte-americana, após criar o Velayat-e faqih, sistema político de tutela obediente à sharia (lei islâmica). Considerado um seyyed (descendente do profeta Maomé), ele liderou o país durante a chamada ;Defesa Sagrada;, como os iranianos intitulam a guerra entre Irã e Iraque (1980-1988) ; façanha destacada pelos xiitas, que prezam pela cultura do martírio. Na foto acima, helicóptero da polícia sobrevoa a região do mausoléu (E).

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação