Grita geral

Grita geral

grita.df@dabr.com.br (cartas: SIG, Quadra 2, Lote 340 / CEP 70.610-901)

postado em 08/06/2017 00:00
SUDOESTE
ESTANDE ABANDONADO

O leitor Rodrigo Rueda, 37 anos, morador do Sudoeste, reclama de um estande de vendas abandonado na quadra residencial SQSW 104, próximo ao Bloco E. De acordo com ele, o ponto de comércio está ;completamente abandonado e servindo de abrigo para moradores de rua e usuários de drogas;. ;O espaço está todo quebrado por dentro e com a principal porta de acesso quebrada;, diz. O morador relatou que, meses antes, outro prédio passou por um processo semelhante e acabou se tornando ponto para tráfico de drogas.

; A Polícia Militar do Distrito Federal informou que, com o objetivo de coibir o tráfico e o uso de substâncias entorpecentes, o policiamento nas áreas mencionadas é feito por meio de rondas constantes, sistemáticas e ininterruptas. ;Por isso, é de extrema importância o registro da ocorrência. É importante que os moradores que acionem rapidamente a PMDF, pelo 190, quando avistarem suspeitos nas redondezas;, destacou, em nota. Com relação aos moradores de rua, a corporação ressaltou que só pode atuar em caso de cometimento de crime. A Agência de Fiscalização do Distrito Federal (Agefis) informou que vai enviar uma equipe de auditores fiscais para verificar o licenciamento do estande de vendas. Se for comprovada alguma irregularidade, serão tomadas as medidas fiscais cabíveis.




NÚCLEO BANDEIRANTE
VACINAS EM FALTA

Alexander André de Souza Vieira, 21 anos, queixou-se da falta de vacinas contra a gripe comum no Núcleo Bandeirante. O leitor teria feito duas tentativas de vacinação, na segunda e na terça-feira, mas sem sucesso. ;Nos informaram que as doses haviam acabado porque só foram liberadas 200 para a região. Mas é impossível com esse número atender a população;, observa. Para ele ;é um descaso, porque o governo garantiu que disponibilizaria as vacinas, mas o que eles mandaram não é suficiente;.

; A Secretaria de Saúde informou que a campanha de vacinação contra o vírus Influenza começou em abril e foi prorrogada até amanhã. ;Desde a última segunda-feira, a vacina está disponível para toda a população, conforme orientação do Ministério da Saúde, e não somente para os integrantes do público-alvo. O estoque de vacinas já acabou em alguns postos e não haverá reposição nas salas onde as doses já acabaram. Em toda rede, restam aproximadamente 30 mil doses;, destacou , em nota.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação