Fábio Assunção preso

Fábio Assunção preso

» Luana Melody Brasil Especial para o Correio
postado em 25/06/2017 00:00
 (foto: Reprodução/Internet)
(foto: Reprodução/Internet)

O ator Fábio Assunção chocou a população de Arcoverde, no interior de Pernambuco, por brigar em festa, xingar policiais e quebrar o vidro do camburão no qual foi levado algemado para a delegacia. Ele estava no tradicional festejo de são-joão da cidade quando começou a confusão, durante a madrugada de ontem.

De acordo com nota da Polícia Militar local, o primeiro chamado veio do Hospital Memorial Arcoverde, para onde o ator tinha sido levado após ter se envolvido em uma briga no Pátio de Eventos, onde ocorria o são-joão. Os funcionários do hospital acionaram a polícia porque o ator estava muito agressivo, mas ele já havia saído da unidade quando a patrulha chegou. Os policiais receberam novamente denúncia contra o artista, dessa vez feita por duas jovens que estavam no festejo, para onde Assunção teria voltado e começado nova briga.


Pedido de desculpas

Em nota, a PM informou ainda que Assunção se negou a entrar no camburão e, por isso, foi preciso algemá-lo. ;Ao ser colocado no xadrez da viatura, ele ficou ainda mais violento e quebrou o vidro traseiro do veículo;, esclarece a nota. Ele estava em Arcoverde com a namorada, a atriz Pally Siqueira. Os dois lançavam na festa o documentário Eu sonho para você ver, que retrata o tradicional samba de coco pernambucano.

No fim da tarde, no fórum da cidade, ator participou de uma audiência de custódia. Ele foi liberado após pagar uma fiança de R$ 9,4 mil. Em mensagem nas redes sociais, Fábio reconhece que se envolveu em uma briga, e lamenta ter se excedido, mas garante não ter utilizado nenhuma droga ilícita, o que, segundo ele, será provado pelo exame toxicológico. ;Lamento muitíssimo o ocorrido em Arcoverde. Era uma noite de celebração. Tínhamos acabado de exibir nosso documentário filmado no sertão pernambucano no palco principal do festival de são-joão. Então fomos com a equipe confraternizar e a situação saiu do controle. Infelizmente aconteceu uma briga. Errei ao me exceder. Serei responsável pelos danos causados. Agora estou bem. Agradeço pelas tantas manifestações de carinho e apoio que recebi. Peço a todos sinceras desculpas. Não é fácil, mas reconhecer meus erros e procurar sempre aprender com eles é o que eu desejo;, diz o texto.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação