ARI CUNHA

ARI CUNHA

Desde 1960 - Visto, lido e ouvido

aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha / circecunha.df@dabr.com.br
postado em 14/07/2017 00:00
Acima das leis e dos homens

Lula pode atrelar uma façanha definitivamente à sua biografia: a de ser o primeiro presidente da República, em toda a história do Brasil, condenado pela Justiça por crime comum. Por mais que ele tente empurrar a acusação para o campo político, de modo a transformar a si próprio de criminoso a perseguido político, o fato é que o ex-presidente começou a colher agora aquilo que plantou ao longo de mais de 13 anos de um governo deslumbrado e totalmente dissociado da realidade.

A realidade, dentro do governo petista, é algo a ser estudado algum dia por especialistas sofisticados, já que foi tecida com esmero com a linha diáfana da ilusão, de modo a servir aos propósitos de um grupo que, de repente, se viu alçado ao poder, sem ao menos possuir uma estratégia mínima de governo.

Para suprir a carência, foram providenciados, às pressas, programas imediatistas que mostrassem, no mais curto espaço de tempo, os bons resultados alcançados por ;nova; forma de governar. Quando a maré das campanhas baixou e a realidade do país se impôs, é que os petistas se viram largados e pelados em meio à selva política.

A fim de remediar situação tão incômoda, começaram a costurar as redes das narrativas sem término, em que pregavam abertamente a destruição das oposições ao mesmo tempo em que cooptavam apoios por meio da compra maciça de políticos. Nada diferente do que sempre existiu, mas feito de forma industrial, seguindo os parâmetros da esquerda de estandartização das vontades.

À tomada geral da máquina do Estado, seguiu-se a descoberta de como era fácil obter recursos públicos para a consecução dos desígnios do partido. Feita a descoberta, foi formado um time de campeões nacionais, totalmente afinados com os novos métodos do governo. Daí para a frente, o que se seguiu. Os números negativos de uma economia dilacerada se mostram, sem retoques, reforçados pelas investigações policiais que passaram a desvendar o maior esquema de corrupção de todos os tempos.

Obviamente que a derrama de dinheiro público não poderia ser drenada apenas para o bolso dos empresários. Boa parte do butim acabou indo também para muitos políticos comprometidos com a nova matriz. Do festival de malas de dinheiro que voavam de um lado para outro, principalmente em direção a paraísos fiscais, das assessorias fajutas que amealhavam centenas de milhões, das contas de campanhas devidamente lavadas e branqueadas no TSE e das delações, feitas na iminência da prisão.

O que a população vai assistindo agora é à procissão imensa de presos ilustres, todos devidamente algemados com pulseira de aço reluzente ou tornozeleira eletrônica de última geração. É nessa mesma fila, sob o fio da espada da Justiça, que segue ao encontro de seu destino merecido um tal de Lula, o mesmo que um dia se achou muito especial, acima da lei e dos homens comuns.


A frase que não foi pronunciada

;Se um dia vocês chegarem à Presidência da República,
vão perceber que esse é o ápice de um ser humano.
Não há nada além disso.;
Ex-presidente Lula, em abril de 2007


Vínculo
; Enquanto se discute a reforma trabalhista no Brasil, uma novidade sobre o Uber. Por iniciar as atividades sem regulamentação apropriada, nos EUA, por exemplo, uma ação coletiva no ano passado cobrava quase US$ 900 milhões. Na Suíça, os motoristas foram contratados pela empresa, com previdência social garantida. Na França, também houve a cobrança dos impostos da Previdência.

Detalhes
; É raro ver garçons servindo água em jarras a parlamentares. Em países desenvolvidos mundo afora, o mais
seguro hoje em dia é receber uma garrafinha descartável d;água.

Pratas da Casa
; Arthur Aguiar, 10 anos, Leticia Figueira Loricchio, de 8 anos, e Luigy Siqueira, 9 anos, representarão
o Brasil no Torneio Mundial de Xadrez, que será em agosto, em Poços de Caldas, Minas Gerais.

Vibraram
; No plenário do Senado, quem mais comemorou a aprovação do projeto que convalida incentivos fiscais concedidos pelos estados a empresas e indústrias foi Renan Calheiros, Lucia Vania e Ronaldo Caiado.

Cuidados
; Mais um frentista é preso por clonagem de cartão. Dessa vez, em um posto na Asa Sul. O golpe começa ao entregar o cartão. Com a posse do número trazido no verso e o número do cartão é possível fazer compras em qualquer portal.

Embate
; O deputado federal Augusto Carvalho lembrou que a Embrapa manteve decisão de expulsar o Centro de Desenvolvimento Agroecológico do Cerrado (Cedac), que qualifica os agricultores familiares de Minas, Tocantins, Goiás, Mato Grosso, Bahia. Em diversos municípios, milhares de trabalhadores qualificados. Trata-se de trabalho que tem parceria com o governo federal, a Fundação Banco do Brasil, o BNDES e o governo de Goiás.


História de Brasília
Como muitos funcionários possuem lotes na Península Norte ou em outros lugares do Plano Piloto, estão estudando um plano de financiamento para a casa própria e, assim, o governo poderia dispor de novos apartamentos. (Publicada em 30/9/1961)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação