Presidente renuncia

Presidente renuncia

postado em 07/10/2017 00:00



Após duas assembleias, duas destituições e uma guerra de liminares na Justiça, o presidente da Federação de Futebol do Distrito Federal, Erivaldo Alves, decidiu ontem renunciar ao cargo. Eleito em 2016, ele tem mandato até 2020, mas o dirigente enviou carta à FFDF comunicando sua decisão irrevogável.

O vice Daniel Vasconcelos, ex-presidente do Luziânia, assumirá o cargo. Apesar da batalha jurídica que mantinha Erivaldo Alves no cargo, o sucessor e 10 dirigentes de clubes do DF estiveram na semana passada no Rio a convite do presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, em uma reunião na sede da entidade.

Erivaldo Alves foi acusado pelos clubes de infringir o estatuto, cometer gestão temerária e fraude fiscal e contábil. Houve duas assembleias, em 22 de setembro e no último dia 2, em que os clubes votaram pelo impeachment, mas ambas foram anuladas pela Justiça. Sem governabilidade e em nome da pacificação na entidade, como escreveu na carta de renúncia protocolada ontem às 15h55, Erivaldo Alves decidiu renunciar à presidência.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação