Curtas - 19

Curtas - 19

postado em 15/11/2017 00:00
; Alexânia
Quatro são acusados de feminicídio

Além do assassino confesso, a Polícia Civil de Goiás indiciou outros três pela morte da estudante Raphaela Noviski, 16 anos, em uma escola pública de Alexânia (GO). Por atirado na vítima, Misael Pereira Olair, 19, responderá por feminicídio. Responsável pela investigação, a delegada Rafaela Azzi indiciou pelo mesmo crime o comerciante Davi José de Souza, 49 anos, que ajudou Misael a fugir de carro. Já outros dois homens, que não tiveram as identidades reveladas, vão responder por terem vendido a arma usada no crime. Ambos confirmaram o que Misael havia dito em depoimento: o assassino pagou R$ 2,3 mil pelo revólver calibre .32 usado no crime que levou à morte de Raphaela Noviski, executada com 11 tiros, dentro da sala de um colégio público de Alexânia.


; EVENTO
DEZ feridos EM QUEDA DE ESTANDE

A estrutura de um dos estandes da XVI Semana Brasileira de Aparelho Digestivo desmontou e atingiu 10 pessoas ontem. O acidente ocorreu por volta das 12h, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, e deixou seis feridos. Segundo a organização, o atendimento de emergência foi prestado. Das 10 pessoas atingidas pela estrutura, três foram avaliadas e liberadas ainda no local. As outras seis foram encaminhadas para avaliação médica no Hospital Ortopédico e Medicina Especializada (Home) e, em seguida, liberadas. Um dos feridos continuava em observação no Hospital Brasília até a noite de ontem.


; Funcionalismo
Policiais civis recuam sobre greve

Os policiais civis do Distrito Federal decidiram, em assembleia realizada ontem, esperar mais uma semana pela resposta do GDF referente ao aumento salarial reivindicado pela categoria, de 37%, o mesmo concedido à Polícia Federal. O aumento seria parcelado em três anos: 2016, 2017 e 2018. Os policiais atenderam ao apelo do líder do governo na Câmara Legislativa, Agaciel Maia (PR), que propôs ao Sindicato dos Policiais Civis uma reunião com representantes do Executivo. Para pressionar o governo, os policiais civis paralisaram as atividades nas delegacias em duas ocasiões neste ano. Em 30 de outubro, os agentes pararam por 24 horas e somente registraram flagrantes e ocorrências graves como homicídio, latrocínio e estupro. Em 1; de novembro, ocorreu o mesmo movimento. Nesta vez, a categoria realizou piquetes nas portas das delegacias.


; Agricultura
GDF regula política de ORGÂNICOS

O governador Rodrigo Rollemberg assina, amanhã, o decreto que regulamenta a Lei de Agroecologia e produção de orgânicos no DF. Ela institui uma política pública distrital e cria uma Câmara Setorial que deverá elaborar um plano de fomento e organizar o setor com o objetivo de dinamizá-lo. O decreto institucionaliza uma política e abre a possibilidade de maior aporte financeiro para a área, como a ampliação de crédito rural para agricultura orgânica por meio do Fundo do Desenvolvimento Rural e a inclusão dos produtores de orgânicos nos programas de compras governamentais.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação