Curtas - 21

Curtas - 21

postado em 04/01/2018 00:00
; SAIDÃO DE ANO-NOVO
QUATRO NÃO RETORNAM aos presídios

Durante o saidão de ano-novo, quatro detentos do regime semiaberto não retornaram às unidades prisionais do Distrito Federal. Eles deveriam ter voltado até terça-feira. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, o número representa 0,38% do total liberado, ou seja, 1.041 sentenciados entre 29 de dezembro e 2 de janeiro. Esse é o terceiro menor registro de evasão desde 2012, quando apenas dois sentenciados não retornaram às prisões. Não houve registro de nenhuma ocorrência policial atribuída aos liberados na saída especial. O detento que não volta após o saidão é considerado foragido, além de perder o direito ao regime semiaberto e responder a um inquérito disciplinar. O direito às saídas temporárias é concedido a presos do regime semiaberto que tenham autorização para exercer trabalho externo ou que tenham saídas quinzenais para visitas a familiares, desde que não tenham nenhuma irregularidade nos últimos seis meses.


; FLAGRANTE
FURTO DE DIESEL no sia

A Polícia Militar prendeu um acusado de furtar 600 litros de diesel. O crime ocorreu em uma agência de turismo localizada no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). A ação do suspeito ocorreu por volta das 19h de terça-feira. No momento da prisão, o suspeito seguia pela BR-070, em Ceilândia. De acordo com informações da Polícia Militar, ele trabalhava na empresa em que cometeu o delito. Ainda segundo a corporação, o acusado aproveitou que o chefe viajava para realizar o furto do combustível. A equipe que fez a abordagem desconfiou do veículo do suspeito. O destino da mercadoria furtada era Águas Lindas (GO), onde reside. O homem foi encaminhado para a 24; Delegacia de Polícia (Setor O) e autuado por furto. Um representante da empresa esteve na delegacia para recuperar o diesel.


; FLAGRANTE
PRESO POR AGREDIR A MÃE

Policiais militares prenderam ontem um homem de 32 anos que agredia a própria mãe na Quadra 40 da M Norte, em Taguatinga. A vítima, de 60 anos, confirmou a agressão e denunciou o filho. De acordo com a PM, o acusado não aparentava embriaguez e as agressões foram causadas por desentendimentos familiares. Segundo a Polícia Militar, a denúncia foi feita anonimamente pelo 190. Quando os policiais chegaram à residência, o agressor se escondeu em um dos quartos, continuando, porém, com as ameaças e as agressões verbais. Os militares quebraram a fechadura da porta, com a autorização da mãe, e imobilizaram e prenderam o acusado após tentar agredir os policiais. Ele foi levado para a 12; Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul).



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação