Cavalos e muito mais

Cavalos e muito mais

postado em 19/01/2018 00:00
 (foto: Palloma Murtelli/Divulgação)
(foto: Palloma Murtelli/Divulgação)

Aos sábados, domingos e feriados, a Hípica do Lago Sul, ganha um atrativo extra. Além do parquinho, da área verde e claro, dos cavalos, o público pode se sentar no restaurante do local, a Cantina Dolce Mamma, e se deliciar com um farto e atraente café colonial (R$ 26,90, por pessoa; R$ 15, para crianças de 5 a 10 anos, menores de 5 anos não pagam).

;O nosso público é especialmente família, os pais gostam de ir lá e deixar as crianças livres, temos um parquinho grande e bastante espaço para as crianças correrem, além de as crianças adorarem passear pela Hípica e ver os cavalos;, explica Palloma Vieira Muterlle, representante do local.

Na mesa servida, o cliente encontra ovo mexido, molho de salsicha, cuscuz, bolos, pães, biscoitos, além de tapiocas e waffles feitos na hora. ;Temos sempre dois tipos de suco natural, além de café, chá e iogurte;, ressalta Palloma.

Durante a semana, o cardápio fica mais restrito, mas ainda conta com salgado, picolés e bolos. Ela anuncia: ;Aos domingos, oferecemos passeio a cavalo por R$ 10 para as crianças, além de os interessados poderem agendar uma aula experimental na hípica;.



Comida de roça
A pouco mais de 30km do centro de Brasília, o Trem da Serra une contato com a natureza, diversão e gastronomia para garantir uma experiência gostosa para adultos e crianças. ;Aqui é um espaço para curtir, vir cedo, passear, pedir um petisco, levar as crianças para ver os bichos, é um programa bem familiar;, explica o proprietário Renato Bravo.

Para começar as refeições na casa, uma boa dica é o trio da roça (R$ 59,90), que vem com linguiça de pernil, torresmo e mandioca frita, aperitivos clássicos da casa. O almoço pode ficar por conta do carro-chefe, o leitão à pururuca (R$ 299,90). O pernil de leitão de 50 dias é acompanhado de arroz colorido, couve refogada, mandioca frita e feijão-tropeiro e serve até seis pessoas.

Para finalizar a refeição com um gostinho de comida da roça, Renato indica o mineiro gelado (R$ 25,90). ;É uma versão caipira do petit gatêau. Consiste em bolo de milho quente com doce de leite quente, sorvete de creme e pedacinhos de castanha de caju;, descreve.

Antes ou depois de provar as receitas da mãe de Renato, Dona Carminha, o passeio pelo espaço completa a experiência. O Trem da Serra conta com parquinho, piscina para crianças, trilhas ecológicas de até 1,5km e espaço com bichos, como vacas e galinhas.



Obrigado, mãe natureza!
O Empório da Mata aparece como um oásis em meio ao universo urbano do Jardim Botânico. O espaço permite que o cliente se sinta fora da cidade, embora esteja a poucos quilômetros dela, e tenham uma experiência diferente, como explica a proprietária Lídia Isaias.

;Tenho um local com árvores, balanço, fora os bichinhos, como pato, marreco, galinha e outras aves. É uma espécie de fazendinha que encanta as crianças;, afirma Lídia.

O espaguete de abobrinha com molho de tomate fresco e manjericão (R$ 37) é um dos queridinhos das crianças.

O molho é feito na casa e o manjericão colhido na horta da qual Lídia tira outros temperos, como salsinha, hortelã, tomilho e cebolinha.

A abobrinha é levemente refogada no azeite com alho e sal temperado na casa com produtos da horta. O preparo é acompanhado de queijo parmesão ralado, ao gosto do cliente.

Outra opção que costuma chamar a atenção dos pequenos, e também dos grandes, é o encanto (R$ 20, porção com 12 unidades). Os pastéis são feitos com massa artesanal e recheados com muçarela e orégano.

A sobremesa pode ser a taça de manga ao coco (R$ 22), que leva cubinhos da fruta cozidos no açúcar queimado com leite de coco servidos com sorvete de coco e amêndoas tostadas.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação