O som que vem do Mediterrâneo

O som que vem do Mediterrâneo

Irlam Rocha Lima
postado em 02/03/2018 00:00
 (foto: Adriana Bittar/Divulgação
)
(foto: Adriana Bittar/Divulgação )


A cultura mediterrânea estará em destaque amanhã, às 21h, no Espaço Cultural do Choro. No palco, a banda brasiliense Kervansarai mostra o resultado de pesquisa no universo musical da Turquia, Anadaluzia, Cáucaso, Balcãs e norte da África.

;Imersos nesta aura histórica e cultural, vamos mostrar a fusão entre o clássico e o contemporâneo da música mediterrânea, emoldurada por performances tradicionais étnicas;, anuncia Bernardo Bitencourt, criador e líder do grupo. Ele toca alaúde árabe e tem como companheiros o egípcio Mahmoud Almasri (percussão árabe) e o brasiliense Igor Diniz (contrabaixo acústico).

O trio terá como convidados o acordeonista português João Lucas (piano e acordeon), Messer Di Carlo e Thiago Delimacruz (percussão) e as bailarinas Amanda Rosa, Raisa Latorraca e Sara Fischer.

Estrada
Formada há 10 anos, a Kervasarai tem atuado bastante na cena musical da cidade, apresentando-se em teatros, casas noturnas e também nas embaixadas. Durante as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro, cumpriu temporada de 15 dias na Casa do Catar, instalada no bairro de Botafogo, fazendo nada menos do que 21 shows.

Serviço
Banda Kervansarai

Espaço Cultural do Choro (Eixo Monumental). Amanhã, às 21h. Ingressos a R$ 30 e R$ 15 (meia para estudantes). Não recomendado para menores de 14 anos. Informações: 3224-0599.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação