O problema da Mercedes

O problema da Mercedes

postado em 30/03/2018 00:00




A Mercedes responsabilizou, ontem, um problema na ferramenta usada pela Mercedes para calcular o tempo de volta dos pilotos pelo erro que custou a Lewis Hamilton a chance de vencer o GP da Austrália, prova que abriu a temporada da F-1.

Hamilton parecia estar com o controle total da prova depois de sustentar a liderança na largada ; foi o pole position ;, mas, de repente, se viu atrás de Sebastian Vettel após sair dos boxes. A situação ocorreu depois que um safety car virtual foi acionado para a remoção da Haas de Romain Grosjean da pista.

Quando o safety car virtual é usado, os carros seguem na pista, mas diminuem a velocidade para um ritmo que não é de prova. Há então uma distância curta entre a linha designada para o safety car e a entrada para os boxes, com os carros podendo rapidamente acelerar, que foi o que Vettel fez antes da sua parada, algumas depois da de Hamilton. O britânico terminou em segundo na prova. A próxima etapa será o GP do Barein, em 8 de abril.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação