Rodriguinho dá show e Corinthians cola na ponta

Rodriguinho dá show e Corinthians cola na ponta

Corinthians vence o Palmeiras por 1 x 0 e divide a liderança com o Flamengo. Rodriguinho e Pedrinho foram os destaques

postado em 14/05/2018 00:00
 (foto: Daniel Augusto Jr./Agencia Corinthians)
(foto: Daniel Augusto Jr./Agencia Corinthians)




Nada de brigas, polêmicas ou provocações. O clássico entre Corinthians e Palmeiras, o primeiro depois da decisão do Campeonato Paulista, veio com um bom futebol e mais uma vitória do alvinegro, jogando em casa. E, de novo, Rodriguinho reforçou a fama de carrasco do rival alviverde. Ele fez o único gol do encontro, válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado colocou o atual campeão nacional com 10 pontos, dividindo a ponta da tabela com o Flamengo ; que leva a melhor no desempate por causa do saldo de gols, mesmo depois da derrota de ontem para a Chapecoense (Leia abaixo). Já o Palmeiras caiu para o oitavo lugar, com oito pontos.

Rodriguinho foi ovacionado pela torcida, mas teve companhia. O garoto Pedrinho, no primeiro clássico como titular contra o Palmeiras, jogou como um veterano. O jovem atacante fez linda jogada no lance do gol, deu chapéu em Diogo Barbosa, acertou dois belos chutes e quase deixou o dele. Nenhum dos dois, porém, começou o jogo bem. Aliás, como todo o time do Corinthians. A equipe alvinegra chegou a sofrer pressão dos palmeirenses.

A tensão dos últimos clássicos não apareceu em Itaquera. Os dois times entraram mais focados em jogar bola, embora também tenha faltado futebol na primeira metade do jogo. Até que as estrelas de Rodriguinho e Pedrinho brilharam, um minuto depois de Thiago Santos perder uma chance incrível ; o que, indiretamente, iniciou a jogada do gol corintiano. Pedrinho ficou com a bola. Em velocidade, cortou Bruno Henrique e Thiago Santos de uma vez só, em uma bela jogada que incendiou a torcida. Na sequência, Maycon cruzou e Rodriguinho mandou para as redes. Foi o terceiro gol do meia contra o rival só neste ano.

Equilíbrio

O Palmeiras voltou mais ofensivo no segundo tempo, mas os jogadores pareciam desmotivados. Já o Corinthians mostrou a conhecida postura de deixar o adversário ficar com a bola, tendo a falsa impressão de que tinha o domínio da partida. Equilibrado, o time tomou conta do jogo. Romero aproveitou para fazer malabarismo com a bola e irritou alguns palmeirenses, mas os ânimos foram acalmados rapidamente.

;Foi o melhor jogo do ano;, definiu o técnico Fábio Carille. ;Pelo tamanho do jogo, pela grandeza do clássico, a gente se comportou bem, por isso as polêmicas foram menores;, afirmou o treinador. O técnico Roger Machado acredita que o resultado não pode se tornar um pesadelo para o Palmeiras ; nem motivo para se transformar em um trauma para os jogadores.;Cada jogo, a gente analisa com detalhes depois, para entender com mais precisão o que aconteceu. Foi uma derrota para nosso tradicional adversário, vindo depois de todos os elogios. Não tem nada de errado uma derrota na casa do adversário;, afirmou.

Empate tricolor
O São Paulo foi a Salvador com a expectativa de vencer a primeira partida fora de casa no Brasileirão. Voltou com o empate por 2 x 2 com o Bahia. Edigar Junio fez os dois gols do tricolor baiano, enquanto Tréllez e Shaylon ; aos 47 minutos do segundo ; descontaram para os paulistas. O time do Morumbi chegou aos sete pontos em cinco partidas, na 10; posição. Os baianos chegam a cinco pontos, ainda sem vencer no torneio.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação