Erramos

Erramos

postado em 05/06/2018 00:00
;Obviamente há de que se acompanhar;, escrevemos na pág. 2. Viu? Tropeçamos na estrutura da frase. A preposição sobra. O pronome antes do infinitivo também. Melhor poupar o bolso. Assim: Obviamente há que acompanhar. (Dad Squarisi)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação