Pequeno companheiro

Pequeno companheiro

Audi apresenta a nova geração do A1, o supercompacto premium surge completamente renovado no visual, pegada esportiva com motores atualizados e o Virtual Cockpit. O alemão deve dar as caras no Brasil em 2019

» Geison Guedes Especial para o Correio
postado em 05/07/2018 00:00
 (foto: Audi/Divulgação)
(foto: Audi/Divulgação)


Associar o tamanho dos veículos à qualidade era uma prática comum até que a Audi, em 2010, deu uma ;bagunçada; nessa concepção, apresentando ao mundo o A1. O carrinho não só inaugurou uma nova categoria na montadora alemã, mas em toda a indústria, a dos supercompactos premium. Carro pequeno não é mais sinônimo de modelo de entrada, ou popular, com nível de acabamento simples, lista de equipamentos modesta e, normalmente, mais baratos.

O A1 se tornou a porta de entrada da marca Audi, o primeiro modelo para quem quer entrar para o mundo das quatro argolas. Mas, diferentemente de outros supercompactos, de básico ele não tem nada, afinal, é um legítimo representante da montadora alemã. Passados oito anos do seu lançamento, a montadora resolveu que era chegada a hora de atualizar o veículo, e acaba de apresentar a segunda geração do Sportback que, nas palavras da própria Audi, é um ótimo companheiro para a vida urbana das grandes cidades.

O pequeno continua diminuto, mas ;tomou; algumas vitaminas e cresceu um pouco nesse meio-tempo, são 56mm a mais no comprimento, chegando a 4.030. Como é de se esperar, ganhou um banho de tecnologia, com itens dignos de veículos de categorias superiores e visual completamente renovado. A segunda geração do A1 só chega em outubro na Europa. Por aqui, é esperado para o fim de 2018 ou início de 2019. O preço não foi divulgado, mas espere algo na casa dos R$ 120 mil, já que o atual está começando em R$ 118 mil.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação