José de Deus, 25 anos, fotografia e vídeo

José de Deus, 25 anos, fotografia e vídeo

postado em 08/08/2018 00:00
 (foto: Arquivo pessoal)
(foto: Arquivo pessoal)

;Procuro saber a relação das questões políticas e sociais a partir de diálogos criados entre imagens produzidas por diversas mídias;
José de Deus




O interesse em investigar manifestações culturais massivas e populares brasileiras começou na graduação em artes visuais, na UnB, onde José de Deus faz mestrado na linha métodos e processos em arte contemporânea e hoje é um fato marcante nos trabalhos dele.

;Procuro saber a relação das questões políticas e sociais a partir de diálogos criados entre imagens produzidas por diversas mídias de comunicação em suportes precários, que são retirados do cotidiano e conversam com a linguagem midiática;, explica.

Na obra O gerente ficou maluco, o artista traz uma série de intervenções dentro de supermercados, onde modificou placas de ofertas e etiquetas de preços de produtos, trocando informações comuns por valores absurdos.

;Pretendo provocar pequenos e sutis curtos-circuitos nesses ambientes a fim de atingir sorrateiramente a percepção do espectador-consumidor, para causar estranhamento em um momento banal da vida cotidiana: a hora de fazer compras;, completa.

José de Deus também percorre pelo audiovisual no vídeo Sorria. Ele quis dar uma resposta ao aspecto opressor e implacável das câmeras de vigilância dos supermercados. ;Eu também as vigio e as filmo, numa tentativa de acompanhar e observar os movimentos delas;, conclui.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação