>> DEU no www.correiobraziliense.com.br

>> DEU no www.correiobraziliense.com.br

postado em 02/09/2018 00:00
 (foto: Carlos Vieira/CB/D.A Press - 14/6/08)
(foto: Carlos Vieira/CB/D.A Press - 14/6/08)



Mortalidade infantil volta a subir no país

Depois de 25 anos de queda, o Brasil registrou, em 2016, o primeiro aumento nos indicadores de mortes entre crianças de até um ano. Foram 14 óbitos a cada mil nascidos vivos, 5% a mais do que havia sido contabilizado no ano anterior. Inicialmente atribuído à redução de nascimentos por causa da zika, o crescimento da mortalidade também ocorreu em 2017. Dados preliminares mostram 13,6 mortes a cada mil nascidos vivos. ;A epidemia não explica o fenômeno por dois anos seguidos;, constata o professor da Universidade Federal de Pelotas, Cesar Victora. Outros motivos são retrocessos no programa de imunização e em áreas que influenciam na qualidade da saúde, como emprego, renda e igualdade no acesso.


Ex-PM mata pai e filha de ex-namorada
atar José Xavier de Oliveira, 53 anos, e Pietra, 5, pai e filha da ex-namorada em Itaquera, Zona Leste de São Paulo, na noite de sexta-feira, foi reconhecido ontem pela ex-companheira que, revoltada, no corredor da delegacia, gritou ;Maldito assassino!”. Kleber foi preso usando uma touca ninja e de posse de um revólver calibre 38 com numeração raspada. Em depoimento, o homem disse que sabia que a mulher esperava as filhas na porta de casa. Mas foi o avô das crianças quem foi receber as meninas que voltavam para casa em uma perua escolar, quando o ex-PM chegou ao local, atirando contra ambos. A a outra filha, 10 anos, conseguiu fugir do atirador. Pietra e o avô morreram no local.

Dia extra para aumentar cobertura de vacinação
A campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo para crianças de 1 a 4 anos, que terminaria na sexta-feira, foi prorrogada nos estados com baixa cobertura, como o Rio de Janeiro, que vai vacinar até 15 de setembro. O objetivo é aumentar a cobertura vacinal contra essas doenças. A meta é alcançar 95% da população-alvo, mas no Rio de Janeiro está em 63,7% para o sarampo e 59,7% para a poliomielite. Roraima, Distrito Federal, Amazonas, Acre, Pará, Piauí, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul também estão com baixa conbertura. No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 2,7 milhões de crianças ainda não tinham sido vacinadas.

Caminhoneiros ameaçam com nova greve em 10 dias
A União dos Caminhoneiros (UDC) informou que, dentro de um prazo de 10 dias, fará uma mobilização nacional para paralisar por tempo indeterminado as atividades de transporte rodoviário de carga no Brasil. De acordo com a entidade, o objetivo é chamar a atenção do governo federal, que não adotou práticas de fiscalização para o cumprimento da tabela do frete, que estabelece preços mínimos do serviços dos caminhoneiros. A medida foi negociada na última greve da categoria, que paralisou diversas atividades no fim de maio. O movimento prejudicou o desempenho da economia no segundo trimestre do ano, que teve crescimento de apenas 0,2%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). ;A falta de fiscalização tem trazido enormes prejuízos aos caminhoneiros autônomos do Brasil, o desrespeito descarado das empresas transportadoras que não estão obedecendo a lei;, diz o comunicado da UDC.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação