Raikkonen e Vettel alegram os italianos

Raikkonen e Vettel alegram os italianos

postado em 02/09/2018 00:00
 (foto: Miguel Medina/AFP)
(foto: Miguel Medina/AFP)

A Ferrari fez a festa em casa. No treino classificatório para o GP da Itália de Fórmula 1, no circuito de Monza, os fanáticos torcedores viram a escuderia rossonera cravar uma dobradinha no grid de largada, com o surpreendente finlandês Kimi Raikkonen na frente. Foi suado, com a melhor volta sendo cravada com o cronômetro zerado, mas Raikkonen voltou à pole position depois de muito tempo. O experiente finlandês, de 38 anos, voou baixo na reta final do Q3 e, de quebra, selou o novo recorde do tradicional circuito ao marcar 1min19s119.

Não só quebrou o recorde da pista: Raikkonen registrou a volta mais veloz da história da Fórmula 1, com média de 263,587km/h. Foi o suficiente para superar os favoritos Sebastian Vettel e Lewis Hamilton e garantir a primeira pole do finlandês desde o GP de Mônaco no ano passado. Vettel ao menos pôde celebrar o fato de largar na frente de seu maior concorrente. O alemão superou Hamilton, também com o cronômetro zerado, ao registrar a marca de 1min19s280. Com isso, a torcida da Ferrari pôde celebrar uma dobradinha no grid em casa pela primeira vez desde 2000.

Pior para Hamilton, que viu a festa da Ferrari e sairá somente na terceira colocação, após marcar 1min19s294. O inglês terá como companheiro na segunda fila o seu colega de Mercedes, o finlandês Valtteri Bottas, que teve 1min19s656 como melhor volta. O resultado no treino promete colocar fogo na prova marcada para este domingo, às 10h10 (de Brasília). Hamilton é o líder do Mundial de Pilotos, com 231 pontos, seguido por Vettel (214), Raikkonen (146) e Bottas (144).

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação