Candidatos apostam em Ceilândia e Taguatinga

Candidatos apostam em Ceilândia e Taguatinga

» ALEXANDRE DE PAULA » PEDRO GRIGORI Especial para o Correio
postado em 02/10/2018 00:00
 (foto: Rollemberg 40/Flickr)
(foto: Rollemberg 40/Flickr)






A última semana de campanha eleitoral antes da votação do primeiro turno das eleições começou com agendas focadas nas vizinhas Ceilândia e Taguatinga que, juntas, reúnem mais de 430 mil eleitores. Ibaneis Rocha (MDB), Alberto Fraga (DEM) e Rogério Rosso (PSD) visitaram a região e fizeram promessas relacionadas ao comércio, mobilidade e saúde.

O advogado Ibaneis participou de seis compromissos públicos ontem. O primeiro começou às 7h, em evento com taxistas, em que o candidato afirmou que vai usar táxis em vez de carros alugados pelo GDF. Em caminhada pelo Taguacenter no fim da manhã, o emedebista defendeu a redução de impostos para incentivar o comércio e a geração de empregos. ;Houve a criação de uma taxa de 5%, que atinge os pequenos empresários. Vamos acabar com ela, fazendo com que cada um deles possa contratar mais;, assegurou.

O deputado federal licenciado Alberto Fraga caminhou pela Comercial Norte de Taguatinga no fim da manhã, onde assumiu compromissos para desafogar o trânsito da região, com um túnel subterrâneo que ligaria a EPTG à Avenida Elmo Serejo. ;É possível fazer em um mandato, mas não é simples e não se resolve de um dia para outro. Precisamos buscar recursos com o BNDES para isso;, explicou. Há um projeto licitado para a obra, estimada em quase R$ 200 milhões, mas ações judiciais entre empresas que participaram da concorrência impediram a execução em 2016.

À tarde, o deputado federal Rogério Rosso caminhou pelo P Sul, em Ceilândia. Ele falou sobre a construção de um hospital no P Norte e criticou o preço do botijão de gás. Grande parte da população paga entre R$ 90 e R$ 100 pelo botijão, comprometendo quase 15% da renda de quem vive com um salário mínimo;. Rosso prometeu diminuir o valor em 15%, por meio da diminuição de impostos, a reativação do gasoduto e novas formas de transporte do recurso.

O governador Rodrigo Rollemberg, que tenta a reeleição pelo PSB, andou no Setor Comercial Sul. Ele prometeu transformar a região em polo gastronômico e turístico. A cultura foi destaque na fala de Rollemberg. ;A primeira prioridade do nosso próximo governo nessa área será a recuperação do Teatro Nacional. Nós selecionamos a instituição que vai captar os recursos da Lei Rouanet e administrar a recuperação.;

Eliana Pedrosa (Pros) visitou o Riacho Fundo I e prometeu um viaduto de acesso à entrada da cidade pela EPNB e de pista marginal que ligue Riacho Fundo 1 e 2 ao longo da EPNB.

O candidato ao GDF pelo Partido Novo, Alexandre Guerra, panfletou pela Asa Sul e na Rodoviária do Plano Piloto. Júlio Miragaya (PT) participou de encontro com grupo da Ciência e Tecnologia da UnB. Fátima Sousa (Psol), Paulo Chagas (PRP) e Guillen (PSTU) não tiveram agenda pública.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação