Haja paciência!

Haja paciência!

Por Adriana Izel e Vinicius Nader
postado em 28/10/2018 00:00
 (foto: Band/Divulgação)
(foto: Band/Divulgação)

Será que só a gente, do Próximo Capítulo, acha que alguns reality shows estão esgotados devido ao grande número de temporadas e o pequeno intervalo entre elas? Talvez o MasterChef, da Band, seja o exemplo mais forte.

Precisa mesmo de duas temporadas por ano e com tantos participantes? O resultado é que, de março a dezembro, as noites de terça-feira são ocupadas pela atração. Estamos mais ou menos na metade da atual, dedicada a cozinheiros profissionais, e as inscrições para a próxima, de amadores, estão abertas. É claro que o faturamento com anunciantes está por trás disso. Mas e o público, como fica? Entediado!

O mesmo desgaste pode ser observado no Big Brother Brasil (Globo) e em A fazenda (Record). Apesar de uma ou outra coisa ainda bombar nas redes sociais, esses dois realities já não exercem o mesmo fascínio de antes. O motivo é simples: deixaram de ser novidade para quem assiste e, especialmente, para quem participa deles. Assim, os chefs, brothers e fazendeiros chegam aos programas com estratégias prontas, como se fossem atores de um roteiro de filme B. O melhor dos reality shows, ou seja, a realidade, fica de fora do script.


Vai voltar!
Depois de uma segunda temporada bem abaixo da estreia, a série True detective está de volta para uma terceira sequência. A HBO anunciou que a nova temporada estreia em 13 de janeiro, às 21h, no canal. A expectativa é alta, já que a produção terá como protagonista o ator Mahershala Ali (foto), vencedor do Oscar melhor ator coadjuvante por Moonlight. Com uma nova história, a trama vai acompanhar o detetive Wayne Hays, que vai investigar um crime que assombrou a cidade de Ozarks.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação