Grita geral

Grita geral

grita.df@dabr.com.br (cartas: SIG, Quadra 2, Lote 340 / CEP 70.610-901)

postado em 14/01/2019 00:00

São Sebastião
Lixo acumulado

O comerciante Isaque Santos, 34 anos, procurou o Grita Geral para reclamar do acúmulo de lixo na Avenida Central, no bairro São José, em São Sebastião. ;Tem um contêiner ao lado de uma panificadora, perto da Luart Calçados, que está terrível. Colocaram sacos dentro do contêiner e foi enchendo demais, começaram a colocar os sacos de lixo no chão e agora está tudo cheio de lixo, de entulho. Fica atraindo insetos e ratos. Tem dias que fica com um odor horrível. Fora que, quando chove, acumula água. Tinham que vir aqui, coletar o lixo e limpar a área;, pediu o leitor.

; Em nota, o Serviço de Limpeza Urbana (SLU) informou que a coleta convencional da região central de São Sebastião, é diária. Segundo o órgão, o acúmulo de lixo se dá de um dia para o outro. O SLU pede à população que coloque os resíduos, devidamente ensacados, antes do caminhão passar, para assim evitar o acúmulo de lixo. As informações sobre horários podem ser verificado no site www.slu.df.gov.br. Os serviços de varrição são realizados diariamente também.




Ceilândia
Buracos na rua

A autônoma Zuleide Brasileiro, 62 anos, procurou o Grita Geral para reclamar de buracos na QNP 10, Conjunto F, Setor P Sul. ;A rua está cheia de buracos. Os carros desviam de um buraco e caem em outro. Reclamei várias vezes e nenhuma providência foi tomada. Uma vez foram lá, taparam um buraco e deixaram os outros abertos. Eles precisam ter mais compromisso com a população e mais atenção com os problemas da cidade. Solicito ao órgão responsável que venha resolver esse problema que está aborrecendo os moradores;, pediu a leitora.

; Em nota, a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) informou que, neste mês, mantém equipes por todo o Distrito Federal na realização da operação tapa-buracos, uma vez que se trata de atividade contínua, que integra o processo de manutenção da cidade, além de reforçar a produção de massa asfáltica para atender ao Programa SOS DF, inclusive, Ceilândia foi contemplada com a força-tarefa na primeira semana de janeiro, com a realização de serviços e benfeitorias na região. A companhia ressaltou que o local citado será inserido na programação de serviços de recapeamento.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação