Para evitar dor de cabeça

Para evitar dor de cabeça

postado em 03/03/2019 00:00
Enquanto órgãos governamentais promovem ações para assegurar as festividades com o mínimo de problemas possíveis, quem está na festa também precisa se atentar a algumas medidas para curtir o carnaval sem dor de cabeça. Especialistas reforçam que cuidar da própria saúde é fundamental. Ainda que a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) seja de chuva para todos os seis dias do feriado, não dá para abrir mão do protetor solar. No Distrito Federal, haverá momentos de sol e mormaço; por isso, é necessário redobrar os cuidados com a pele e a hidratação.

Em razão do ritmo das comemorações e do tempo na capital do país, o clínico geral Cyro Marques elenca alguns pontos importantes: uso de calçados confortáveis, renovação do protetor solar a cada duas horas, cuidados com produtos químicos na pele e atenção para o compartilhamento de bebidas. ;Não tem como não alarmarmos sobre o uso de substâncias ilícitas ou desconhecidas (nas bebidas). Também vale um alerta para a prática sexual com segurança e proteção por meio do uso do preservativo, seja no caso de sexo com penetração ou oral. Doenças sexualmente transmissíveis estão em ritmo crescente, infelizmente;, comenta o médico.

Quanto à hidratação, o nutricionista Omar de Faria indica a ingestão de 30 a 35 mililitros de água por quilo de peso, especialmente para quem consumir álcool. ;Além disso, antes de ir às festas, é bom fazer uma refeição reforçada para munir o corpo de energia. Nas ruas, opções como churrasquinhos, açaí e salada de frutas ajudam a diminuir os prejuízos gerados pelas festividades;, afirma Omar. ;Sucos de frutas cítricas são bem-vindos, não possuem altas doses de calorias e estão dotados de vitaminas e minerais, o que também se perde bastante;, completa Omar.

Algumas das dicas dos especialistas estão na lista do professor da Secretaria de Educação Yan Reis, 22 anos. Ele fala sobre a importância de se manter entre amigos e de cuidar da saúde. ;No sexo, é preciso se proteger. Nesta época, tendemos a ficar mais suscetíveis a riscos, então é bom estar sempre atento e com pessoas confiáveis, que vão atrás de você caso você suma;, pontua o morador de Brazlândia. Yan diz que aproveitará três dias de carnaval e, em todos eles, a receita será a mesma: ;Antes de sair de casa, passo protetor solar, cuido da pele e tomo muita água. Nas ruas, recomendo cuidado com aquelas bebidas mais baratas;, conclui. (JE)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação