Moda 2

Moda 2

postado em 03/03/2019 00:00
 (foto: Valerie Macon/AFP)
(foto: Valerie Macon/AFP)
Para o Globo de Ouro, Gaga escolheu um Valentino lavanda e joias da Tiffany também. Fabiana Gotti, consultora de estilo, comentou que as mangas exageradas estão de volta. ;O tecido de tafetá, que parecia flutuar, trouxe o glamour e o refinamento necessários à ocasião. As mangas bufantes e os ombros estruturados parecem estar de volta. Nos últimos desfiles em Milão, apareceram como ponto focal em várias marcas;, explica.


No Grammy, considerada a premiação mais importante do mundo da música, Lady Gaga optou por um vestido da marca francesa Celine, que hoje está sob direção criativa de Heidi Slimane.


Gemma Chan, atriz do longa Asiáticos podres de ricos, optou por um Valentino azul petróleo para o Globo de Ouro. Segundo a consultora de estilo Estela Silveira, a tonalidade favoreceu muito a atriz. ;A cor é forte e destacou ainda mais a beleza natural de Gemma, que tem uma pele de coloração mais fria e cabelos escuros.;


Cardi B, a primeira artista solo mulher a levar para casa o Grammy de melhor álbum de rap, optou por um Thierry Mugler vintage. ;O vestido remete à obra renascentista do pintor Sandro Botticelli, Nascimento de Vênus. Ela, de fato, parecia uma sereia saindo do mar;, comentou Fabiana Gotti. Para a consultora, a arte e a moda caminham sempre de mãos dadas.


Lucy Boynton, atriz que interpreta Mary Austin, namorada de Freddie Mercury, no longa Bohemian Rhapsody, usou um vestido Celine dourado na premiação do Globo de Ouro. ;O vestido da atriz remete à Hollywood de antigamente. Modelagem clássica, mangas bufantes e brilho dourado;, relembra a consultora de estilo Estela Silveira.


A atriz Regina King levou o Oscar de melhor atriz coadjuvante por seu papel no longa Se a rua Beale falasse. Ela escolheu um Oscar de La Renta branco para a ocasião. ;O branco, para grandes festas, não é nada básico;, comenta Estela Silveira, consultora de estilo. Para ela, a atriz estava muito elegante, e o vestido passava sensações de leveza e poder ao mesmo tempo.


Lupita Nyong;o, de Pantera Negra, escolheu um vestido Calvin Klein by Appointment para o Globo de Ouro. Para Estela Silveira, todos os elementos do look ornaram bem. ;Ficou um look bem harmônico e, neste caso, a make na mesma cor do vestido não ficou cafona, mas conferiu um equilíbrio visual;, explica.


O ator Billy Porter, da série Pose, optou por um ;vestido-smoking; do estilista Christian Siriano para o tapete vermelho do Oscar. Sem dúvidas, um dos looks mais comentados da temporada. ;A tendência genderless, muito habitual entre as mulheres, parece ter conquistado o coração dele, e trouxe o debate sobre a moda sem gênero para Hollywood;, acredita Fabiana Gotti.

Por uma causa
Nos últimos anos, o tapete vermelho também tem sido um momento de protesto e ativismo. Em 2018, os convidados do Globo de Ouro usaram preto para apoiar o movimento #MeToo, que denuncia casos de assédio sexual em Hollywood. Este ano, no entanto, o ativismo foi mais discreto. Alguns artistas usaram pulseiras amarelas com os dizeres #MeToo durante o Globo de Ouro, e o movimento não foi o foco das premiações.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação