Santos tropeça e não atinge marca

Santos tropeça e não atinge marca

postado em 06/05/2019 00:00
 (foto: Ivan Storti/Santos FC)
(foto: Ivan Storti/Santos FC)

Igualar a sua melhor arrancada na era dos pontos corridos no Campeonato Brasileiro era a meta do Santos ontem. No entanto, depois de triunfar nas duas primeiras rodadas, o time paulista tropeçou: ficou no empate sem gols com o CSA, no Rei Pelé, em Maceió, em duelo da terceira rodada.

O empate tira os 100% de aproveitamento do Peixe na competição, mas não apaga o bom começo da equipe. O time do técnico Jorge Sampaoli está com sete pontos e ocupa o quarto lugar, atrás de São Paulo, Palmeiras e Atlético-MG, este o único a vencer nas três primeiras rodadas.

Acostumado a encurralar os seus adversários, como fez nos dois primeiros jogos do Brasileirão, o Santos dominou o CSA em boa parte do jogo, mas careceu de objetividade. Trocou muitos passes ; mais de 500 ;, mas não foi incisivo. A chance mais clara de gol, aliás, foi dos rivais, que só não saíram vencedores porque Victor Paraíba perdeu uma oportunidade incrível no finzinho.

;Faltou contundência num jogo com muitas chances. Buscamos por todos os lados, com muita gente, e não concretizamos;, avaliou Sampaoli. ;Foi um ataque sustentado no campo rival, mas não completamos. Calor não é desculpa por não termos ganho;, emendou o argentino, numa referência aos 30; em Maceió.

O comandante do Peixe será julgado hoje, pelo Superior Tribunal de Justiça, pela expulsão diante do Vasco, em partida válida pela Copa do Brasil. Ele responderá por invasão de campo e por ofensas à arbitragem.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação