>> Sr. Redator

>> Sr. Redator

Cartas ao Sr. Redator devem ter no máximo 10 linhas e incluir nome e endereço completo, fotocópia de identidade e telefone para contato. E-mail: sredat.df@dabr.com.br

postado em 11/05/2019 00:00
Educação

Os militares, sempre defensores da educação, estão inertes diante da ;balbúrdia; que o ministro da pasta está fazendo. O corte linear de 30% no orçamento das universidades e institutos federais de educação e seus reflexos nas pesquisas e no desenvolvimento tecnológico implicam atrasos de décadas para o país. O lema ;Brasil acima de tudo; se converteu numa balela, sem alicerce. Poderíamos qualificar de criminosa a política para a educação em marcha conduzida pelo governo. Um ideólogo boçal, ególatra, residente na Virgínia, Estados Unidos, emerge como controlador da mente daqueles que comandam o país e induz todos a empurrar o Brasil para lado mais tenebroso do abismo da ignorância. Os ditadores da década de 1960 se preocupavam com a educação, apesar de não terem poupado a vida de jovens que almejavam um Estado democrático de direito. Hoje, em pleno século 21, assistimos ao desmonte mais absurdo da história republicana do Brasil, sem que nada seja feito para impedir essa catástrofe, tão horrenda quanto à tortura e às execuções do regime de exceção.
; Maurício Almeida,
Asa Sul


Privilégios


Quando se esperava um governo Bolsonaro disposto a acabar com privilégios, que contrariam a Constituição Federal, a Câmara Federal liberara centenas de passaportes diplomáticos, favorecendo parentes de deputados. Pior, ainda, o presidente da casa e do Itamarati não acham nenhuma irregularidade na emissão dos documentos. Óbvio, tudo dentro da regulamentação do Legislativo, feita à revelia do art. 5; da Constituição que reza: ;Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza;.
; Elizio Nilo Caliman,
Lago Norte


Sucessão


As disposições para a escolha do procurador-geral da República, chefe do Ministério Público da União, estão plasmadas no art. 128, ; 1; da Constituição: escolha entre os integrantes da carreira (MPU) e aprovado pelo Senado Federal. O MPU abrange (art. 128, Inc. I): o Ministério Público Federal, o Ministério Público do Trabalho, o Ministério Público Militar e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios-MPDFT (art. 128, Inc. I, ;d;). Portanto, a PGR não é exclusividade nem feudo do Ministério Público Federal. Vale lembrar: o MPDFT integra o MPU. Essa exceção pode ter repercussão na escolha do Procurador-Geral da República, pois, em tese, qualquer Procurador ou Promotor de Justiça do MPDFT com mais de 35 anos de idade poderá ser nomeado procurador-geral da República, independentemente da lista tríplice criada pelos membros do Ministério Público Federal em 2003. A propósito, tal lista tríplice ; que não tem valor legal algum ; deveria, ao menos, conferir maior legitimidade e transparência ao processo de escolha, ser apresentada separadamente pelo MPF, MPT, MPM e MPDFT, ao Presidente da República. Seria uma recomendação, para análise presidencial dos três nomes mais votados de cada um dos respectivos Ministérios Públicos que integram o Ministério Público da União, num total de 12 nomes. Ainda assim, o presidente da República tem prerrogativa para escolher e nomear procurador-geral da República quem ele desejar, nos termos da Constituição Federal.
; Milton Córdova Júnior,
Vicente Pires


Coaf


Finalmente, teremos condições de descobrir quem são os sonegadores de impostos, os que escondem fortunas no exterior, bem como aqueles parlamentares que, sob uma capa de honestos, estão fazendo chantagem ao presidente, a fim de darem seus votos favoráveis à aprovação do projeto de mudanças da Previdência. Perguntamos: por qual razão condicionaram os seus votos, em função de tirar o Coaf do Ministério da Justiça?
; Ruy Telles,
Brasília


Andrade


Na dramaturgia, assim como na vida, quando um ator encena magistralmente uma personagem, o ator desaparece e o personagem assume seu lugar. O Andrade partiu e ficamos com suas personagens na mente e no coração. Estou longe de Brasília, mas ele veio comigo assim como todos vocês estão também comigo pelas imagens que fizeram com nossa amizade e minha admiração.
; Pedro Jorge,
cineasta




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação