Puma energizado

Puma energizado

postado em 19/09/2019 00:00
 (foto: Ford/Divulgação)
(foto: Ford/Divulgação)


Já a Ford está ;atacando; de Puma, mas não aqueles coupés bonitos que a Lumimari fabricava no Brasil com motores DKW ou Volkswagen. Trata-se de um crossover com design bastante carismático. A plataforma usada é a mesma do Fiesta, o que pode indicar que o EcoSport pode estar com os dias contados na Europa. O nome Puma também foi usado para batizar um cupê compacto da Ford fabricado na Alemanha. Mas o Puma em questão, lançado há alguns meses, traz motorização híbrida, combinando motor 1.0 Ecoboost (turbo) e outro elétrico, que dão potência combinada de até 155cv. As emissões são de 127g/km, com consumo de 17,8km/l. Para poupar combustível, um dos três cilindros pode ser desligado.

O interior é tecnológico, com quadro de instrumentos digital de 12,3 polegadas, que pode ser configurado pelo motorista. Por fora são 12 sensores ultrassônicos, três radares e duas câmeras. Esses são os ;olhos; do veículo para agregar funções semiautônomas como controle de cruzeiro adaptativo com função para e anda, reconhecimento de sinalização e assistente de faixa de rodagem. O Puma não deve ser vendido no mercado brasileiro.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação