Diversidade textual e literária

Diversidade textual e literária

» Jairo Macedo Especial para o Correio
postado em 24/09/2019 00:00
 (foto: Nicolas Braga/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Nicolas Braga/Esp. CB/D.A Press)


A língua portuguesa no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi tema de debate na live de ontem do Especial Enem do Correio. Os professores Josino Nery e Rosimar Barbosa, do Sigma, ressaltaram que é preciso estar atento à variação linguística e aos gêneros textuais e literários, temas recorrentes ao longo das edições do exame.

;A cada ano, temos de três a quatro questões de variação linguística. É exigido do candidato que identifique, nos textos, as marcas próprias daquela variedade;, explica Josino Nery. ;Se o texto tem características de linguagem popular ou regional, e o que nós chamamos de marcas da oralidade, da língua falada ; reduções de palavras, gírias, expressões populares.;

Por ser uma prova rica e múltipla, o Enem comporta diversos gêneros textuais e literários. Rosimar Barbosa faz a distinção. ;Temos os gêneros do cotidiano, aqueles com os quais nos deparamos na leitura e na fala do dia a dia, que são vários. Mas há também os gêneros literários, da arte da palavra. O lírico, que tem sido cobrado sistematicamente, em concepções da linguagem poética. Além disso, o gênero dramático, de estrutura de uma peça de teatro, e o narrativo, no qual o candidato deve identificar e entender a figura do narrador em contos e romances.;

O conteúdo on-line do especial prossegue hoje, às 15h, desta vez com ciências da natureza. Os convidados são os professores Alessandro Reis (biologia), Juliana Gaspar (química) e Paulo Ferrari (física), do Sigma. Acesse o Facebook do Correio e participe com perguntas.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação