Brasil tem 88% das mortes por Covid-19 em 8 cidades

Brasil tem 88% das mortes por Covid-19 em 8 cidades

» WALDER GALVÃO
postado em 05/05/2020 00:00
O Distrito Federal completa hoje dois meses do primeiro diagnóstico do novo coronavírus. Nesse período, para conter o avanço da Covid-19, o Executivo local adotou uma série de medidas, como suspender a atividade comercial da cidade, tornar obrigatório o uso de máscaras e ampliar a rede de atendimento da saúde. Desde então, 33 pessoas morreram devido à doença, e a capital soma 1.793 confirmações, que registram crescimento diário

Apesar da quantidade de casos, 1.086 pessoas estão recuperados da Covid-19, ou seja, 60% do total. Além disso, a alta é considerada estável pela Secretaria de Saúde, por manter linha de crescimento estabilizada. Devido a esse fator, o GDF estuda a retomada do comércio na próxima segunda-feira. Shoppings e lojas de ruas devem reabrir, mas alguns segmentos, como salões de beleza, academias, bares e restaurantes, seguirão fechados.

A primeira paciente diagnosticada com coronavírus no DF, uma moradora do Lago Sul de 52 anos, ficou internada em estado gravíssimo no Hospital Regional da Asa Norte (Hran) por 54 dias. Em 29 de abril, ela foi transferida para a UTI do Hospital Brasília. De acordo com a advogada da família, Cláudia Rocha Caciquinho, a paciente está curada da Covid-19 e se recupera de outros problemas de saúde anteriores ao coronavírus.

Leitos
No sábado, o Hran, referência no combate à Covid-19, atingiu lotação máxima dos 10 quartos de UTI exclusivos para pacientes com a doença. Ontem, o governador do DF, Ibaneis Rocha, anunciou a abertura de mais 10 na unidade. Apesar da ocupação, a rede pública da capital tem 59 das 122 vagas de UTI ocupadas, 48% do total.

A Secretaria de Saúde informou que estão previstos mais 86 leitos de UTI no Hospital da PM; 70 no Hospital Regional da Santa Maria; 10 no hospital de campanha da Papuda; e 25 na UPA do Núcleo Bandeirante. Além disso, a pasta ressaltou que 300 respiradores serão comprados e 150 recuperados pela Universidade de Brasília (UnB), em parceria com o Senai.




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação