Encontro com influenciadores digitais

Encontro com influenciadores digitais

postado em 24/05/2020 00:00
 (foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo)
(foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo)


No dia seguinte à divulgação do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril, que integra o inquérito em andamento no Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar supostas interferências na Polícia Federal, o presidente saiu às ruas de Brasília e foi igualmente elogiado e criticado pela população brasiliense. Por mais que tenha visto crescer a popularidade entre o eleitorado mais fiel, ele também recebeu muitas críticas e foi alvo de panelaços em alguns pontos da cidade.

Antes do passeio pela capital, o presidente recebeu no Palácio da Alvorada um grupo de youtubers bolsonaristas, que iniciaram uma mobilização nas redes sociais de apoio ao governo. A gravação da reunião de Bolsonaro com ministros inflamou os apoiadores, que têm o entendimento mútuo de que a fita apenas fortalece o presidente, e serviu como combustível para a convocação de uma nova manifestação pró-governo hoje ; desde o fim de abril, Brasília tem recebido atos a favor do presidente semanalmente, quase sempre aos domingos. ;O vídeo divulgado por Celso de Mello praticamente reelege o presidente. Estamos aqui em Brasília para apoiar o único líder legítimo da pátria;, comentou Allan Frutuozo, do canal Vista Pátria.

Assim como o youtuber, muitos eleitores do presidente utilizaram a internet para bancar que Bolsonaro será vitorioso nas eleições de 2022. Ontem, a hashtag #BolsonaroReeleito esteve entre os assuntos mais comentados do Twitter. Ministros do governo aderiram ao movimento de defesa do presidente, como o do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. ;Este vídeo foi feito em uma reunião fechada e não seria divulgado. Mas a determinação judicial deu ao Brasil a chance de ver um presidente que é verdadeiro, leal e submisso ao povo brasileiro. É por esta população que Jair Bolsonaro conduz a nação. Pulso firme e atitude!”, frisou.

;Enquanto tem gente preocupada com palavrões, nosso presidente segue trabalhando para impedir abusos contra o povo, como a questão de algemar quem está na rua. É pelo Brasil e os brasileiros! O esperado vídeo evidencia apenas uma coisa: o compromisso do presidente Jair Bolsonaro com o Brasil. Orgulho de fazer parte deste time e estar do lado certo da história! Brasil acima de tudo, Deus acima de todos;, enfatizou o ministro.

Na mesma linha de Antônio, o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, comentou que ;a divulgação do vídeo da reunião mostra claramente um governo comandado por um homem que se preocupa em servir ao povo brasileiro;.

;O Brasil não estava acostumado a isso, e sim com governos que se serviam do trabalho do povo brasileiro. Como lutamos para ter de volta no Brasil o direito à legítima defesa, que o lulismo roubou de nossas famílias, agora temos um presidente de verdade que respeita este direito fundamental à vida;, destacou.

Repúdio

Em contraponto, Bolsonaro também ouviu muitas reclamações e insultos ao longo do dia. Ao deixar o Alvorada no fim da tarde e ir até a Asa Norte para comer um cachorro-quente, ele foi chamado de ;assassino; e ;fascista;, e ouviu muitas vaias por parte de algumas pessoas, que também bateram panela contra o presidente.

Ao visitar o comércio, o presidente chegou a cumprimentar alguns apoiadores, mas ouviu entre os tradicionais gritos de ;mito;, brados de ;fora Bolsonaro; e xingamentos. O mesmo ocorreu quando ele visitou o apartamento do ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos.

Bolsonaro esteve ainda no Sudoeste, onde mora Jair Renan Bolsonaro, filho dele. Na quadra também foram registrados panelaços vindos das janelas. (AF)





Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação