Bebês interagem melhor quando são imitados

Bebês interagem melhor quando são imitados

postado em 27/05/2020 00:00
 (foto: Toru Yamanaka/AFP - 23/11/14)
(foto: Toru Yamanaka/AFP - 23/11/14)


Imitar bebês pode ajudar os adultos a fazerem amizade com os pequenos. É o que mostra uma pesquisa feita por cientistas suecos. Em uma série de experimentos, os pesquisadores observaram que crianças com 6 meses olhavam e sorriam por mais tempo para um adulto que as imitava, e que a reação não se repetia diante de outras atividades. A pesquisa foi publicada na última edição da revista PLOS One.

No estudo, um dos membros da equipe visitou os bebês e brincou com eles de três maneiras distintas: imitando tudo o que eles faziam, repetindo apenas as ações corporais dos bebês enquanto mantinha um rosto imóvel ou respondendo com uma ação diferente. ;A última é chamada de resposta contingente, e é como a maioria dos pais responderia ao bebê ; quando a criança faz ou precisa de algo, você reage de acordo, detalha, em comunicado, Gabriela Alina Sauciuc, pesquisadora da Universidade de Lund e principal autora do estudo.

Os pesquisadores descobriram que os bebês sorriam por mais tempo e tentavam abordar o adulto com mais frequência durante o espelhamento de suas ações. ;A imitação de bebês parece ser uma maneira eficaz de despertar o interesse e o vínculo com eles. As mães ficaram surpresas ao ver seus bebês se divertindo em jogos de imitação com um estranho e também impressionadas com o comportamento dos bebês;, frisa Gabriela Sauciuc.

Os cientistas explicam que já existem muitas especulações de que, por meio da exposição frequente à imitação, bebês aprenderiam mais sobre normas culturais e rotinas de interação, mas a evidência empírica para apoiar essas teorias ainda é fraca. Para os autores, o estudo ajuda a dar mais força para essa relação. ;Ao mostrar que bebês de 6 meses reconhecem quando estão sendo imitados e que a imitação tem um efeito positivo na interação, começamos a preencher essa lacuna. Ainda precisamos descobrir quando exatamente a imitação começa a ter esses efeitos, e que papel o reconhecimento de imitação realmente desempenha para os bebês; afirma Gabriela Sauciuc.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação