Tubo de ensaio

Tubo de ensaio

Fatos científicos da semana

postado em 30/05/2020 00:00
 (foto: STR/AFP
)
(foto: STR/AFP )
Segunda-feira, 25
Diagnósticos inapropriados

Cada vez mais cânceres de tireoide são diagnosticados desnecessariamente, aponta estudo publicado na The Lancet Diabetes & Endocrinology, dirigido por cientistas do Centro Internacional de Pesquisas sobre o Câncer (Circ/Iarc), com sede em Lyon, França, em colaboração com o Instituto Nacional do Câncer de Aviano, na Itália. Segundo o trabalho, que envolveu 26 paíes, o sobrediagnóstico da doença está em rápida expansão no mundo e já teria afetado mais de 1 milhão de pessoas em dezenas de países. O sobrediagóstico consiste em classificar cânceres que têm poucas chances de provocar sintomas ao longo da vida ou a morte do paciente. Ele afeta principalmente as mulheres de meia-idade e às expõem a males desnecessários, como a extração completa da glândula e tratamentos permanentes.


Terça-feira, 26
A trajetória do asteroide que extinguiu os dinos

O asteroide parcialmente responsável pela extinção dos dinossauros seguiu o caminho mais perigoso possível para envolver a Terra em uma nuvem de gás e poeira. É o que atesta a reconstituição da trajetória, realizada graças a uma simulação em 3D, publicada na Nature Communications. ;Nosso estudo mostra que o impacto de Chicxulub foi pior do que se pensava;, resume o principal autor do estudo, Gareth Collins, do Imperial College London. O asteroide seguiu o eixo de nordeste a sudoeste e atingiu o solo em um ângulo de inclinação de 60 graus, um dos mais mortais, segundo cientistas. ;Os impactos quase verticais criam crateras maiores, mas projetam fragmentos mais lentamente e menos distantes. Em contraste, um impacto mais oblíquo não teria gerado tantos fragmentos;, acrescentou o cientista.


Quarta-feira, 27
Cientistas chineses medem o Everest

Um grupo de topógrafos chineses chegou ao cume do Everest para determinar com precisão a altura da montanha mais alta do mundo. Sob um céu azul claro, a equipe de oito pessoas instalou instrumentos de medição e abriu uma garrafa de champanhe, de acordo com vídeos divulgados pela imprensa chinesa. A altura exata do Everest, cujo cume fica entre o Nepal e a China, é objeto de debate, apesar de várias campanhas de medição nas últimas décadas. A última realizada pela China remonta a 2005, quando o cume foi medido em 8.844,43 metros, sem levar em consideração a neve ou o gelo, segundo a agência de notícias Xinhua. O Nepal optou por incluir o gelo do cume, por isso considera o Everest quatro metros mais alto. Segundo a Xinhua, as medições serão feitas a partir do sistema de navegação por satélite Beidu, o equivalente chinês ao GPS.


Quinta-feira, 28
Café contra distúrbios digestivos

O café pode ajudar a reduzir o risco de distúrbios digestivos, defendem cientistas internacionais. O trabalho, feito pelo Instituto de Informação Científica sobre Café (ISIC), que é formado por pesquisadores europeus, analisou uma série de pesquisas científicas relacionadas ao consumo da bebida. Por meio dos dados, a equipe de especialistas observou que pessoas que tinham como hábito ingerir a bebida mostravam menos casos de problemas como cálculo biliar e pancreatite. Os pesquisadores destacaram que mais pesquisas são necessárias, mas acreditam que o café estimula a digestão, o que contribuiria para a relação vista.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação