Poluição

Alemanha proibirá talheres de plástico a partir de meados de 2021

De acordo com a Comissão Europeia, esses produtos representam 70% dos resíduos que vão para os oceanos

Agência France-Presse
postado em 17/09/2020 16:27
 (crédito: Divulgação/Governo de São Paulo)
(crédito: Divulgação/Governo de São Paulo)

Berlim, Alemanha - O parlamento alemão aprovou nesta quinta-feira a proibição de talheres de plástico, incluindo canudos, a partir de julho de 2021, para combater a poluição do oceano.

A legislação segue o compromisso assumido pela União Europeia no ano passado de impor restrições ao plástico descartável.

De acordo com a Comissão Europeia, esses produtos representam 70% dos resíduos que vão para os oceanos, uma ameaça à fauna marinha.

Algumas multinacionais, como o McDonald's, já anteciparam as restrições europeias ao eliminar canudos e tampas de plástico de suas bebidas.

No entanto, a organização não governamental Greenpeace criticou a regulamentação alemã, que em sua opinião não vai longe o suficiente ao proibir o uso de plástico descartável.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação