Berlim

Em protesto, homem bate com carro no portão da sede do poder alemão

O veículo tinha em sua carroceria mensagens que pediam o fim da "política de globalização" e que denunciavam que "são malditos assassinos de velhos e crianças"

Agência France-Presse
postado em 25/11/2020 08:52 / atualizado em 25/11/2020 08:55
 (crédito: CLEMENS BILAN, John MACDOUGALL / AFP)
(crédito: CLEMENS BILAN, John MACDOUGALL / AFP)

Um homem bateu, nesta quarta-feira de manhã (25/11), um carro pintado com frases de protesto no portão de entrada da Chancelaria Alemã, em Berlim - informou a polícia, que deteve o envolvido pouco depois.

O veículo, um Volkswagen verde escuro, tinha inscritas em sua carroceria mensagens que pediam o fim da "política de globalização" e que denunciavam que "são malditos assassinos de velhos e crianças".

Não houve danos ao prédio da Chancelaria, localizado no coração da capital alemã.

"Queremos saber se ele se lançou deliberadamente contra o portão", disse um porta-voz da polícia à AFP.

O carro também não sofreu muitos danos. O impacto foi parcialmente interrompido por alguns pivôs colocados para evitar esse tipo de ataque contra o prédio que a chanceler Angela Merkel ocupa há 15 anos.

A mídia alemã noticiou que o mesmo veículo foi usado em 2014 em uma tentativa de invadir o perímetro da Chancelaria para protestar contra o aquecimento global.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE