Tensão

Congresso dos EUA começa a certificar vitória de Biden

O esforço dos republicanos está fadado ao fracasso, já que os apoiadores de Trump não têm apoio suficiente na Câmara e no Senado para impedir a certificação da vitória do veterano democrata

Agência France-Presse
postado em 06/01/2021 16:43
 (crédito: Stefani Reynolds/Getty Images/AFP)
(crédito: Stefani Reynolds/Getty Images/AFP)

O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, abriu nesta quarta-feira (6) uma sessão conjunta no Congresso para certificar a vitória presidencial de Joe Biden, mas os republicanos rapidamente apresentaram uma objeção, interrompendo a contagem dos votos eleitorais.

Momentos após o início da sessão, a última etapa processual para confirmar a vitória de Biden sobre o presidente Donald Trump, o deputado Paul Gosar se levantou para fazer uma "objeção à contagem dos votos eleitorais do Arizona".

O esforço dos republicanos está fadado ao fracasso, já que os apoiadores de Trump não têm apoio suficiente na Câmara e no Senado para impedir a certificação da vitória do veterano democrata nas eleições de 3 de novembro.

A ação de Gosar, que gerou vaias e aplausos, desencadeou um debate de duas horas em cada câmara, mas a objeção provavelmente deve ser rejeitada antes que o processo de certificação continue.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE