EUA

'Nós amamos vocês', diz Trump ao pedir que invasores saiam do Congresso

O presidente também pediu para que os apoiadores fossem para casa

Thays Martins
postado em 06/01/2021 18:57 / atualizado em 06/01/2021 19:01
 (crédito: Samuel Corum / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP)
(crédito: Samuel Corum / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP)

Em uma mensagem aos apoiadores, o presidente Donald Trump pediu para que eles deixassem o Capitólio e fossem para casa, acrescentando que "ama" eles. O vídeo foi divulgado nas redes sociais do presidente. Mais cedo ele só tinha pedido "calma" aos manifestantes, sem condenar a invasão do prédio. 

"Vocês têm que ir para casa agora, temos que ter paz, temos que ter ordem. Não queremos ninguém machucado. Vão para casa. Nós amamos vocês", afirmou.

Trump ainda reafirmou que a eleição foi fraudada, mesmo a Justiça já tendo confirmado que o pleito ocorreu de forma correta. "Eu sei que vocês estão em dor, sei que estão machucados. Tivemos uma eleição que foi roubada de nós. Todo mundo sabe", disse. 

Antes, o presidente tinha pedido para que os manifestantes não usassem da violência, mas sem condenar a invasão. "Estou pedindo a todos no Capitólio que permaneçam pacificamente. Sem violência. Lembrem-se, nós somos o partido da lei e da ordem — respeite a lei e nossos grandes homens e mulheres de azul. Obrigado", escreveu o presidente no Twitter. 

O vice-presidente Mike Pence também usou o Twitter para condenar a invasão. Na rede social, ele disse que os manifestantes devem deixar o Capitólio imediatamente. "A violência e a destruição que estão ocorrendo no Capitólio dos EUA devem parar e isso deve parar agora. Todos os envolvidos devem respeitar os policiais e deixar o prédio imediatamente", disse. 

Nesta quarta-feira (6/1), uma sessão no Capitólio, o Congresso americano, retificaria a vitória do democrata Joe Biden, mas manifestantes, apoiadores de Trump, invadiram o local. Uma pessoa chegou a ser baleada.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE