Invasão ao Capitólio

Chefe da diplomacia europeia denuncia 'ataque' à democracia dos EUA

Josep Borrell também pediu respeito ao resultado das eleições presidenciais

Agência France-Presse
postado em 06/01/2021 19:01
 (crédito: Brendan SMIALOWSKI / AFP)
(crédito: Brendan SMIALOWSKI / AFP)

O Alto Representante (chefe da diplomacia) da UE, Josep Borrell, denunciou nesta quarta-feira (6) um ataque sem precedentes à democracia nos Estados Unidos e pediu respeito ao resultado das eleições presidenciais de novembro.

"Aos olhos do mundo, a democracia americana parece estar sob assédio. É um ataque sem precedentes à democracia dos Estados Unidos, suas instituições e o império da lei. Isto não são os Estados Unidos. Os resultados das eleições de 3 de novembro devem ser plenamente respeitados", afirmou Borrell no Twitter.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE