Argentina

Policiais são confundidos com strippers em festa de swing

Festa era realizada na Argentina, e ia contra o decreto que proíbe aglomerações para combater a covid-19

Estado de Minas
postado em 13/01/2021 11:28 / atualizado em 13/01/2021 11:29
 (crédito:  Reprodução/Via Clarín)
(crédito: Reprodução/Via Clarín)

Uma situação bastante inusitada foi registrada na noite da última sexta-feira (8/1), em um sítio na localidade de Sierra de los Padres, nos arredores de Mar del Plata, na Argentina. No local, 20 casais participavam de uma festa de swing, o que é proibido na região, em conformidade com as diretrizes de decreto do combate à covid-19.

Porém, quando entraram no local, os policiais acabaram sendo confundidos com strippers, que iriam participar da festa. "Primeiro entraram os agentes de operações especiais. Quando nos viram, pensaram que nós fôssemos parte do show, que fôssemos strippers", relatou um dos agentes ao site Infobae.

Quando os policiais entraram no local, alguns participantes da festa estava jantando em uma grande mesa no salão principal. Neste momento, uma das mulheres que participava da festa se aproximou de um dos policiais, acreditando que ele fosse parte da produção. "Que olhos que você tem! Me excitam muito!", disse ela.

"As pessoas não sabiam o que estava acontecendo. Uns, ao se darem conta de que não éramos strippers, nos disseram: 'Nos enganamos'. Foi cômico e absurdo ao mesmo tempo", disse outro policial. Aos poucos, os participantes foram se dando conta de que a festa acabaria antes do começo. A denúncia para a polícia foi feita por um dos participantes, que acabou excluído da festa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE