Investigação

Recuperados dados da caixa-preta do Boeing acidentado na Indonésia

Boeing 737-500 caiu no último sábado, deixando 62 mortos

Agência France-Presse
postado em 15/01/2021 07:12
 (crédito:  AFP / Demy Sanjaya)
(crédito: AFP / Demy Sanjaya)

Jacarta, Indonésia - Os investigadores indonésios anunciaram, nesta sexta-feira (15/1), que conseguiram recuperar as gravações de uma das caixas-pretas do Boeing que caiu no mar com 62 pessoas a bordo no último sábado (9/1).

As gravações "estão em boas condições e agora estamos examinando os dados", disse o chefe do Comitê de Segurança de Transporte da Indonésia, Soerjanto Tjahjono.

Os investigadores buscam saber as razões para a queda repentina de 3.000 metros (10.000 pés) do Boeing 737-500 da Sriwijaya Air menos de um minuto antes de submergir no mar de Java.

As caixas-pretas, que registram em particular a velocidade, a altitude e a direção da aeronave, ajudam a determinar as causas dos acidentes em 90% dos casos, segundo especialistas em aviação.

Os mergulhadores recuperaram a primeira caixa-preta na terça-feira e, no momento, concentram-se na busca da segunda. Esta última contém gravações das conversas da cabine dos pilotos.

Cinquenta passageiros, incluindo dez menores, e 12 membros da tripulação, viajavam neste avião com destino a Pontianak, uma cidade da parte indonésia da ilha de Bornéu.

As autoridades ainda não deram nenhuma hipótese sobre as causas que poderiam ter causado a queda desta aeronave de 26 anos de uso.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE