Passagens aéreas poderão subir até 30%

Correio Braziliense
postado em 21/03/2022 00:01

O aumento do preço dos combustíveis começa a provocar mudanças nas operações das companhias aéreas. A Latam vai suspender temporariamente, a partir de abril, 21 rotas nacionais. Alguns voos afetados eram de rotas que ainda seriam inauguradas, como trajetos entre São Paulo e cidades como Montes Claros e Juiz de Fora, em Minas Gerais. Os viajantes devem preparar o bolso. Especialistas do mercado calculam que o preço das passagens poderá subir até 30% em decorrência da crise dos combustíveis. A indústria da aviação vive tempos difíceis. A alemã Lufthansa, maior companhia aérea da Europa, será obrigada a realizar 18 mil voos com poucos ou nenhum passageiro para cumprir questões regulatórias. Pelas leis europeias, as empresas são obrigadas a usar pelo menos 80% de seus slots (horários de pouso e decolagem) para não perder os direitos de uso das rotas. Com a pandemia, a demanda caiu drasticamente e está demorando para voltar.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE