» Sr. Redator

Correio Braziliense
postado em 06/05/2022 00:01

Patrimônio da vidas

Mães que geraram e mães que sempre amaram os filhos que não são seus vão viver, neste domingo (8 de maio), o dia a elas dedicado. Data em que, com elas, me confraternizo, pedindo a Maria, mãe de Jesus, que nunca lhes deixe faltar o aconchego, o respeito e o carinho, tão necessários aos seus corações. Que as mães continuem amando os seus filhos e que estes nunca esqueçam que o amor por elas é a coisa mais importantes de suas vidas. O dom da maternidade é um momento de emoções inexplicáveis na vida das mulheres, que é vivido intensamente em cada fase de desenvolvimento do ser gerado em seu próprio corpo. Mães, tenham um ótimo dia! A vocês, o meu carinho. Parabéns!

José R. Pinheiro Filho,

Asa Norte

Terceira via

A imprensa anuncia que a terceira via está na UTI. Para alguns analistas, ela está rachada. Para outros, acabada, desunida e derretendo. Nessa linha, recordo o que escrevi, sem nenhuma pretensão de ser pitonisa, sobre a terceira via, no Correio Braziliense de 24 de outubro de 2021: os altos-falantes da terceira via informam, sob demorado foguetório, que, agora, são 11 os pré candidatos à Presidência da República. Um time completo de arautos patriotas decididos a tirar o Brasil do atoleiro. A democracia saúda a colossal festança eleitoral. A quantidade de laboriosos homens públicos não tira o sono da cansativa polarização entre Bolsonaro e Lula, cantada em prosa e verso pelo noticiário político. Pelo contrário, quanto mais fogosos políticos apareçam na rinha, um se achando mais qualificado do que o outro, levam Bolsonaro e Lula para mais perto do paraíso. O constante movimento das nuvens políticas que Magalhães Pinto gostava de citar indica que Sergio Moro virá enriquecer o balaio da terceira via. Até meados de 2022, Bolsonaro e Lula vão acompanhar de camarote arrancas rabos dos franciscanos adversários. Chutes na virilha soarão como carinhos. Enquanto o bom senso não for morar, de água e cuia, na cachola dos luminares da terceira via, consagrando apenas um nome para enfrentar Bolsonaro e Lula, tudo continuará como antes, no quartel de Abrantes.

Vicente Limongi Netto,

Lago Norte

Trânsito

Estava subindo a pista do comércio da 202 Norte quando uma senhora, dirigindo uma Van, sai do estacionamento e tenta fazer o retorno ali mesmo, distante entre 30 e 40 metros da tesourinha 202/102, parando o fluxo de carros de três faixas de rolamentos: 202 sentido 102, 101 sentido 201 e alça de descida do Eixinho Norte para a 201. Na maior tranquilidade, fazendo sinal para eu ter paciência. Pode? Só posso crer que seja alguém que não conhece o trânsito de Brasília. Ou seria alguém com uma tremenda cara de pau?

Paulo Molina Prates,

Asa Norte

Carestia

Pelo o que temos observado e visto nos meios de comunicação, a inflação aqui no Brasíl está muito alta, e a cada dia que precisamos ir aos mercados somos surpreendido com os preços dos alimentos. Produtos que há uns três anos comprávamos por R$ 3, hoje estão acima de R$ 10. Um exemplo é o óleo de soja, um litro custava R$ 2,90, agora, está acima de R$ 10. E o mais triste é que parece que, nos países que fazem fronteiras com o Brasil, os alimentos e os combustíveis têm preços mais baixos.

Evanildo Sales,

Gama

Vladimir Putin

O problema de Lula — e nosso, por extensão — é que, com a sua circunstância de completamente inculto e destrambelhado, ele "pensa" que é comunista e, por isso, se sentiu na obrigação de defender o seu ídolo — o ditador impiedoso e sanguinário Vladimir Putin na devastação cruel, despropositada e covarde que empreende na Ucrânia.

Lauro A. C. Pinheiro,

Asa Sul

Tags

CONTINUE LENDO SOBRE