Celular do ministro Marco Aurélio toca o hino do Flamengo e interrompe sessão do STF

Ministro justificava voto quando o celular começou a tocar primeiro verso do hino

Correio Braziliense
postado em 20/08/2020 22:06 / atualizado em 20/08/2020 22:06
 (foto: Reprodução)
(foto: Reprodução)

Uma cena inusitada interrompeu a sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta-feira (20/8). O ministro Marco Aurélio Mello precisou parar a própria fala para desligar o telefone celular, que começou a tocar o hino do Flamengo.

A votação julgava ação do partido Rede Sustentabilidade, que questiona produção de dossiês sobre quase 600 servidores que se opõem ao governo Jair Bolsonaro. Por 9 votos a 1, o STF decidiu determinar a suspensão imediata da produção, pelo Ministério da Justiça, desses relatórios.

"Uma vez, Flamengo, sempre flamengo..." começou a tocar e até arrancou risadas do próprio Marco Aurélio, além do ministro Luís Roberto Barroso, que demonstrou se divertir com a situação.


Essa não é a primeira vez que o ministro protagoniza cenas engraçadas durante uma sessão virtual. Em junho, a neta do ministro, de apenas 2 anos, entrou na sala enquanto Marco Aurélio fazia a leitura para o voto de recursos sobre trabalhadores portuários.

Entretanto, a presença da garotinha, por trás da cadeira do ministro, não atrapalhou o andamento da leitura de Marco Aurélio, e nem foi comentada pelos outros ministros.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação