obras

Bolsonaro: "Antes de obras novas, queremos concluir obras inacabadas"

A declaração ocorre no mesmo dia que uma reportagem destaca que o presidente vem inaugurando obras inacabadas por antigos presidentes

Ingrid Soares
postado em 30/08/2020 11:51 / atualizado em 30/08/2020 11:51
 (foto: Alan Santos)
(foto: Alan Santos)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, na manhã deste domingo (30/8), que o governo quer investir em obras inacabadas de governos anteriores antes de começar novos projetos. A declaração ocorreu por meio de uma postagem nas redes sociais.

“O nosso governo, antes de obras novas, queremos concluir obras inacabadas há 10, 20, 30, 40 anos”, escreveu o chefe do Executivo. A declaração ocorre no mesmo dia que uma reportagem destaca que o presidente vem inaugurando obras inacabadas por antigos presidentes.

Segundo um levantamento publicado, neste domingo, pelo jornal Folha de S. Paulo, Bolsonaro prepara o lançamento de 33 ações para o próximo semestre, das quais 25 foram planejadas pelos ex-presidentes petistas Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva.

Outras duas saíram do papel no governo Michel Temer (MDB) e seis foram iniciadas na atual gestão, levando em conta obras do Ministério do Desenvolvimento Regional. 

Tarcísio

A postagem compartilhou ainda o vídeo de uma declaração do ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, admitindo que o governo está, sim, inaugurando obras de governos anteriores.

"Sempre se questiona ou critica a falta de continuidade dos governos", disse. "Terminamos obras de outros governos. Quem bom", disse o ministro sob alguns aplausos no vídeo em que participa de audiência da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados. "Não podemos reinventar o Brasil a cada quatro anos. Infraestrutura é uma questão de Estado, é uma questão de longo prazo", afirmou Freitas no vídeo.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação