Protesto

Em carreata no DF, manifestantes pedem impeachment de Bolsonaro

A mobilização ocorreu no centro da capital, contou com centenas de carros e teve buzinaço no Eixo Monumental e Esplanada dos Ministérios

Cibele Moreira
postado em 23/01/2021 11:42 / atualizado em 23/01/2021 12:39
 (crédito: Ed Alves/CB/D.A. Press)
(crédito: Ed Alves/CB/D.A. Press)

Com gritos de fora Bolsonaro e buzinaço, centenas de carros saíram às ruas em carreata na manhã deste sábado (23/1) organizada para pedir impeachment do presidente. A mobilização ocorreu no Eixo Monumental, na Esplanada dos Ministérios e nas Asas Norte e Sul.

Nos vidros dos carros, dizeres de "viva o SUS" e "vacina para todos" marcaram o protesto organizado em várias cidades do país. De acordo com a organização, mais de mil veículos participaram do ato no DF. O evento contou com apoio de mais de seis partidos políticos e vários movimentos sociais. 

Faixas pedindo "impeachment já" também foram erguidas no gramado em frente ao Congresso Nacional. A Polícia Militar acompanhou o evento.

Um dos organizadores da carreada e coordenador Nacional da Marcha Mundial por Justiça Climática, Roberto Ferdinand, afirma que o evento é contra o "desgoverno do Bolsonaro que coloca em risco a saúde de todos os brasileiros com uma postura totalmente insana que vai contra a saúde pública". De acordo com ele, as declarações do presidente, bem como a postura, em relação ao uso de máscara, ao distanciamento social e ao tratamento precoce causam um desserviço em relação a pandemia da covid-19. 

"Ontem, ele chegou a dizer que a vacina não tinha eficácia comprovada. Ou seja, o Bolsonaro e o seu governo são criminosos que lesam a pátria e humanidade, além dos crimes que ele comete contra o meio ambiente. Estamos aqui pelo impeachmen já porque ele não tem condições morais e mentais para ser presidente da República", ressalta Roberto. 


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE