CPI da Covid

AO VIVO: ex-presidente da Pfizer no Brasil depõe na CPI da Covid

Carlos Murillo deve ser interrogado sobre a demora do Planalto em responder as ofertas de vacinas contra a covid-19, feitas em 2020

Correio Braziliense
postado em 13/05/2021 10:14 / atualizado em 13/05/2021 10:36
 (crédito: TV Senado)
(crédito: TV Senado)

O ex-presidente da Pfizer no Brasil Carlos Murillo será ouvido nesta quinta-feira (13/5) na CPI da Covid, que investiga possíveis omissões do governo Jair Bolsonaro no enfrentamento à pandemia de Covid-19. Atualmente Murillo ocupa o cargo de CEO do laboratório na América Latina.

Murillo deve ser interrogado sobre oferta de doses ao governo no ano passado. É esperado ainda que ele confirme as declarações dadas ontem por Fabio Wajngarten, ex-secretário especial de Comunicação Social da Presidência, que disse que a Pfizer enviou cartas ao governo brasileiro propondo um acordo para o fornecimento de vacinas, mas a proposta teria sido ignorada.

Para alguns dos senadores da CPI, a demora do Planalto em responder à oferta da empresa é a confirmação de que o governo errou no enfrentamento à pandemia e que isso contribuiu para que mais mortes pela covid-19 acontecessem.

Assista ao vivo:

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE