CRISE

Fux cancela reunião com chefes dos Poderes e rebate ataques de Bolsonaro

Magistrado destacou que o presidente tem realizado ataques e propagado inverdades sobre decisões da Corte e o sistema eleitoral

Renato Souza
postado em 05/08/2021 17:34
 (crédito: rosinei coutinho/SCO/ST)
(crédito: rosinei coutinho/SCO/ST)

Em um discurso dirigido diretamente ao presidente Jair Bolsonaro, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, cancelou uma reunião que estava marcada para ocorrer entre os chefes dos Três Poderes. O encontro estava sendo organizado pelo próprio magistrado e foi desmarcado após o chefe do Executivo atacar magistrados do Supremo e o sistema eleitoral.

Ele disse ter alertado Bolsonaro sobre os "limites do direito da liberdade de expressão". "O Supremo informa que está cancelada reunião entre os chefes de Poder, entre eles o presidente da República", afirmou o magistrado. "Quando se ataca um integrante desta Corte, se ataca a todos", disse Fux. 

O presidente do Supremo destacou que Bolsonaro divulga informações equivocadas e que não são verdadeiras. Mais cedo, Jair Bolsonaro afirmou que o ministro Alexandre de Moraes é "autoritário" e criticou a decisão de incluí-lo no inquérito das fake news, relatado por Moraes. "A hora dele vai chegar", disse o capitão da reserva do Exército, se referindo a Moraes.

Bolsonaro acusa o sistema eleitoral de ter sido fraudado, atacou nas últimas semanas o ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e prometeu "agir fora das quatro linhas da Constituição", sem destacar o que faria na prática. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE