g20

Em conversa com líderes do G20, Bolsonaro diz que "Petrobras" é problema

Presidente está em Roma para a reunião das maiores economias do mundo

Correio Braziliense
postado em 30/10/2021 11:51 / atualizado em 30/10/2021 11:52
 (crédito: Alan Santos/PR)
(crédito: Alan Santos/PR)

O presidente Jair Bolsonaro disse que a Petrobras é um "problema", reclamou da imprensa e mentiu sobre seus índices de aprovação e a situação da economia brasileira em conversa com o presidente da Túrquia, Recep Erdogan, registrada pelo jornalista Jamil Chade, do portal UOL. O chefe do Executivo está em Roma para participar do encontro dos líderes do G20, as maiores economias do mundo, neste sábado (30/10).

Ao lados dos ministros da Economia, Paulo Guedes, e do Itamaraty, Carlos França, Bolsonaro falou que a economia brasileira vai bem, apesar do crescimento da inflação, do alto desemprego e da alta do dólar. e atacou a Petrobras. "A economia voltando bem forte. A mídia como sempre atacando, estamos resistindo bem. Não é fácil ser chefe de Estado em qualquer lugar do mundo. Petrobras é um problema. Mas estamos quebrando monopólios, com uma reação muito grande. Há pouco tempo era uma empresa de partido político. Mudamos isso", disse.

O presidente ainda falou que tem grande apoio popular, mesmo as pesquisas mais recentes mostrando que a rejeição de Bolsonaro é maior do que a aceitação. "Eu estou bem. Também tenho um apoio popular muito grande. Temos uma boa equipe de ministros. Não aceitei indicação de ninguém. Foi eu que botei todo mundo", afirmou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE