PASSEIO

Bolsonaro come espetinho com farofa e internautas apontam marketing; veja vídeo

De um lado, apoiadores apontaram humildade por parte do presidente. Do outro, internautas caracterizaram a cena como estratégia de marketing com vista às eleições

Ingrid Soares
postado em 30/01/2022 18:52 / atualizado em 30/01/2022 19:50
 (crédito: Reprodução / Redes Sociais)
(crédito: Reprodução / Redes Sociais)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) deixou o Palácio da Alvorada neste domingo (30/01) e aproveitou para dar um passeio de moto ao lado do filho, o vereador Carlos, do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Luiz Eduardo Ramos e de seus assessores.

A primeira parada ocorreu na DAF-DF, próximo a São Sebastião, onde o chefe do Executivo visitou um supermercado da região. Os proprietários postaram foto ao lado de Bolsonaro.

A conta ainda postou momentos nos quais o presidente chega ao local e percorre a unidade.

Depois, Bolsonaro seguiu para o Jardim Botânico, onde parou para comer um churrasco em uma tenda. Na imagem, é possível ver o presidente de botas, comendo a refeição com as mãos, com uma quantidade considerável de farofa derrubada na calça e no chão.

A imagem, no entanto, causou polêmica nas redes sociais. De um lado, apoiadores apontaram humildade por parte do presidente. Do outro, internautas acusaram o líder do Executivo de "cena montada" para autopromoção diante das eleições presidenciais. Segundo internautas, com a imagem, o presidente pretende passar uma imagem de "povão". 

A jornalista Rachel Sheherazade postou o vídeo e pediu para que os internautas definissem a imagem. "Porco", escreveu um. "Pobreza não tem a ver com porcaria e falta de educação", comentou outro.

Em uma das respostas, um homem fez uma montagem na qual o presidente aparece com pombos ao redor, comendo a farofa derrubada no chão e sobrevoando seu ombro.

A deputada federal Fernanda Melchionna (PSol-RS) caracterizou a cena como "vergonhosa". "Deplorável! A tentativa é de humanizar um genocida? É impossível! Nem coberto de toda a farofa do mundo Bolsonaro convence que tem algum tipo de humanidade dentro de si. Vergonhoso."

 "Eu, volta e meia como churrasquinho quando chego do trabalho no meu bairro. E geralmente encontro com o pessoal que terminou há pouco o expediente de trabalho, muitos de empresas de manutenção e afins. Garanto que eles são mais limpinhos ao comerem carne com farofa que Bolsonaro", escreveu um usuário.

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) comentou que Bolsonaro é um "presidente raiz".

No sábado (29/1), Bolsonaro participou de solenidade de entrada dos novos alunos do Colégio Militar de Brasília. A filha do presidente e da primeira-dama, Laura, de 11 anos, ingressou no 6º ano do ensino fundamental na escola e participava da solenidade.

Depois, em visita à Catedral Metropolitana de Brasília, o chefe do Executivo evitou comentar sua falta no depoimento que deveria ter prestado na última sexta à Polícia Federal. O chefe do Executivo se limitou a dizer que está “tudo em paz”. “Está tudo em paz, tudo tranquilo aí, tá ok?", apontou na data.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE