Jair Renan depõe à PF

Correio Braziliense
postado em 08/04/2022 00:01

Jair Renan Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro (PL), depôs por cinco horas e meia na Superintendência da Polícia Federal, em Brasília. A corporação apura suspeita de crimes de tráfico de influência e lavagem de dinheiro.

O filho do presidente chegou ao local acompanhado do advogado da família Bolsonaro, Frederick Wassef. O defensor afirmou que Jair Renan é vítima de fake news. "Ele não vai se manifestar, sob minha orientação. Temos, aqui, a maior vítima de fake news. Renan Bolsonaro nunca marcou reunião, nunca ganhou carro, nunca ganhou dinheiro", enfatizou Wassef aos jornalistas.

O inquérito foi aberto em março de 2021, a pedido do Ministério Público Federal (MPF), com base em denúncia apresentada por parlamentares de oposição. Em setembro de 2020, Jair Renan teria recebido um carro elétrico da Gramazini Granitos e Mármores Thomazini, no valor de R$ 90 mil. Um mês depois, representantes da empresa conseguiram uma reunião com o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, com participação do filho do presidente.

Tags

CONTINUE LENDO SOBRE